Nosso grupo do WhatsApp WhatsApp
Terça, 26 de Janeiro de 2021 19:04
44 99157-4575
Política Estadual População

População deve atualizar a caderneta de vacinação antes da chegada da vacina contra a covid-19

População deve atualizar a caderneta de vacinação antes da chegada da vacina contra a covid-19

26/11/2020 15h35 Atualizada há 2 meses
Por: Redação
População deve atualizar a caderneta de vacinação antes da chegada da vacina contra a covid-19

“A secretaria estadual de Saúde tem alertado que, neste momento que antecede a chegada da vacina contra o novo coronavírus, a população deve atualizar a caderneta de vacinação. Na condição de vice-líder do Governo na Assembleia Legislativa, venho aqui reforçar o pedido da secretaria a todos vocês”, ressaltou o deputado estadual Cobra Repórter (PSD).

O secretário estadual de Saúde, Beto Preto, enfatizou: “entendemos a expectativa quanto a vacina da covid, mas alertamos que é preciso estar imunizado contra todas outras doenças para as quais temos as doses disponibilizadas na rede pública. São 18 vacinas ofertadas para imunizar contra doenças tão graves quanto a covid e que também podem levar a óbito”.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite para as crianças de 12 meses a menores de 5 anos, por exemplo, segue em todo estado até o próximo dia 30 de novembro.

“Pais e responsáveis levem as crianças aos postos para a imunização. Todas as salas de vacina estão adotando os protocolos de segurança estabelecidos para a prevenção da covid-19. A vacinação contra a pólio e contra outras graves doenças é fundamental para a saúde”, destacou o deputado estadual Cobra Repórter.

A vacina contra a pólio faz parte do Calendário Nacional de imunização e está incluída na rotina dos postos de saúde, mas é importante que as crianças sejam vacinadas neste momento para que o estado tenha homogeneidade na imunização.

Segundo a secretaria estadual de Saúde, o Paraná não registra casos de pólio desde 1.986, mas para que a população esteja totalmente protegida é preciso atingir 95% de 583 mil crianças na faixa de 1 ano até menores de 5 anos.

 

Com informações da Agência Estadual de Notícias

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias