Sábado, 28 de Maio de 2022
15°

Poucas nuvens

Nova Cantu - PR

Curiosidade Crianças

Crianças ‘fujonas’ escapam de creche de SJP e são resgatadas por pedestres no meio da rua; assista

Imagens de uma câmera de segurança da região mostram a façanha dos pequenos alunos

13/05/2022 às 10h29 Atualizada em 13/05/2022 às 10h39
Por: Redação Fonte: https://www.bandab.com.br/regiao-metropolitana-de-curitiba/criancas-fujonas-escapam-de-creche-de-sjp/
Compartilhe:
Reprodução
Reprodução

Duas crianças fugiram de uma creche do município de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, na tarde de quarta-feira (11). Imagens de uma câmera de segurança da região mostram a façanha dos pequenos alunos. O caso foi no CMEI Sabiá Laranjeira, no bairro Borda do Campo. As crianças fujonas, um menino e uma menina, têm três anos de idade. Elas conseguiram deixar a sala de aula despercebidas e, apesar do local ter portões, elas foram parar – literalmente – no meio da rua.

Como mostram as imagens, no momento em que corriam pelo meio da rua, um carro chega a passar bem próximo das crianças. Logo em seguida, uma mulher cruza por elas e percebe que os pequenos estão desacompanhados de um responsável. Ela então aborda uma das crianças e a pega no colo, para devolver ao CMEI.

Enquanto isso, a outra continua a correr em direção a uma avenida. A segunda criança foi contida por um homem que passava pelo local e percebeu a situação. Ele precisa correr para conseguir pegar o menino, que ainda tenta dar um ‘drible’ no homem.

A mãe de uma das crianças expor a indignação com a segurança da creche para a reportagem da Banda B, na manhã desta sexta-feira (13). Ela preferiu não se identificar.

“Foi irresponsabilidade das professoras, mas a prefeitura tem que colocar mais gente na escola, talvez seja muita criança pra pouca gente cuidar”, afirma a mãe do menino.

Ela disse que ela e o marido souberam apenas no dia seguinte o que havia acontecido na escola.

Assista ao vídeo das crianças fujonas

Busca pelas crianças

Enquanto as crianças eram resgatadas no meio da rua, as professoras procuravam pela dupla dentro das dependências da creche e não acreditavam que tivessem escapado. “Até então, não acreditaram que eles tinham saído. Estavam procurando dentro da escolinha. Imaginaram que tinha se escondido dentro do banheiro, alguma coisa assim”, relatou a mãe.

As próprias professoras assumiram para a mãe que o portão da creche fica aberto e que o filho dela teria saído pelo estacionamento.

“Como uma criança de três anos deu uma volta inteira pra poder sair pelo estacionamento? Quanto tempo ele saiu da escolinha, andou pela rua inteirinha, desceu, passou quase a chegar em uma avenida onde passa um monte de carro… Como a gente fica? Vou trabalhar, vou deixar ele na escolinha achando que está tudo bem.”

A família do menino ainda não sabe se vai mantê-lo na escolinha por medo que a situação se repita. “Por mais que elas me falaram ontem que agora vão cadear tudo, dobrar mais a atenção. Mas a gente fica com medo. Dessa vez, graças a Deus, essa pessoa pegou ele, mas se tiver uma próxima vez, espero que não tenha, o que pode acontecer? Não só com ele, como qualquer outra criança. A gente que é mãe, sente, né?”, desabafa.

Outro lado

A reportagem da Banda B entrou em contato com a Secretaria Municipal de Educação (Semed) de São José dos Pinhais e aguarda retorno.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias