Estadual

Principal corredor do Sudoeste, PR-280 será modernizada

Publicados

em

Principal corredor da região Sudoeste, a PR-280 será modernizada e terá sua capacidade de transporte ampliada. O Governo do Estado está finalizando os estudos que permitirão à rodovia ganhar terceiras faixas em 32 pontos ao longo de toda a sua extensão, considerados essenciais pelo Departamento de Estradas e Rodagem (DER-PR). A intervenção vai concluir a primeira etapa do plano de recuperação da rodovia.

O anúncio foi feito pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior nesta terça-feira (12), em Pato Branco, em entrevista à imprensa logo após o ato de instalação do Executivo Estadual no município. A cidade do Sudoeste é sede administrativa do governo até esta quarta-feira (13).

“Os estudos de aumento de capacidade já começaram por parte do DER. Serão muitas terceiras faixas para ampliar a capacidade e também melhorar a segurança para quem usa a rodovia”, afirmou Ratinho Junior. Com 284 quilômetros de extensão, que vai de Realeza até Palmas, no Sul do Estado, a rodovia está bastante deteriorada, devido ao tráfego intenso de veículos pesados, e oferece risco usuários.

“Essas obras são o primeiro passo, que vamos fazendo paralelamente ao estudo que permitirá incluí-la no grande pacote de concessões que está sendo preparado em parceria com o Governo Federal”, disse o governador.

Leia Também:  Detran-PR orienta sobre forma correta de transportar animais

O prefeito de Pato Branco, Augustinho Zucchi, explicou que a população de toda a região espera com ansiedade a melhoria da rodovia, principal artéria de escoamento da produção local. “É extremamente importante, um nó que o governador Ratinho Junior vai desatar da região Sudoeste inteira”, disse.

CONCESSÃO – De acordo com Ratinho Junior, o Governo do Estado já finalizou todas as tratativas com o Ministério da Infraestrutura para incluir a PR-280 dentro das novas concessões. A partir de 2021, com o fim dos contratos com as concessionárias em vigor atualmente, o Paraná passará de 2,5 mil quilômetros para 4,1 mil quilômetros de rodovias pedagiadas. A negociação permitirá, entre outras intervenções, a duplicação por completo do corredor.

“Serão pedágios com tarifas pelo menos 50% mais baratos que os atuais, com todo o processo de concessão ocorrendo com transparência, dentro da Bolsa de Valores de São Paulo”, ressaltou o governador.

PRAZO – O chefe da Casa Civil, Guto Silva, informou que a meta é licitar R$ 70 milhões em projetos executivos já prontos até o final do ano, incluindo as rodovias com maiores problemas, como a PR-280 (Sul/Sudoeste), PR-323 (Norte/Noroeste) e PR-092 (Curitiba/Campos Gerais).

Leia Também:  Semana é marcada por acordo com a Rússia para estudo da vacina

“O Governo está mergulhado em buscar a solução. O governador já determinou a execução dos projetos para que possamos devolver a capacidade da PR-280, uma rodovia que está totalmente antiquada”, ressaltou Silva.

PRESENÇAS – Participaram do encontro em que foi feito o anúncio sobre a rodovia os secretários Renato Feder (Educação), João Carlos Ortega (Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas), Norberto Ortigara (Agricultura e Abastecimento) e Rômulo Marinho (Segurança Pública); o diretor do Detran, Coronel Cesar Kogut; o diretor administrativo do BRDE, Luiz Carlos Borges da Silveira; os deputados estaduais Soldado Adriano, Paulo Litro, Luiz Fernando Guerra e Nelson Luersen; além de prefeitos, vereadores e lideranças políticas e empresariais da região.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Estadual

Sanepar investe R$ 37 milhões em obras de esgoto de Ivaiporã

Publicados

em

Por


.

A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) está investindo R$ 37,3 milhões para ampliar o sistema de esgotamento sanitário de Ivaiporã. Serão implantados cerca de 100 quilômetros de tubulações para ampliar a coleta de esgoto. Também estão em construção uma nova estação de tratamento de esgoto (ETE) e três estações elevatórias.

Nesta primeira etapa, a obra vai beneficiar 5,8 mil famílias, promovendo um salto no indicador de atendimento com o serviço no município dos atuais 14,5% para cerca de 50%. “O esgoto é, sem dúvida, um serviço que traz melhora significativa na saúde preventiva da população”, afirma o diretor-presidente da Sanepar, Claudio Stabile.

A OBRA – Diversas frentes de trabalho movimentam a cidade, como a construção da ETE Pindaúva. Serão construídas três estações elevatórias de esgoto: EEE Pindaúva, EEE Mangueira e EEE Pindauvinha, que farão o bombeamento das regiões mais baixas para o serviço de tratamento. O prazo de conclusão é no início de 2022.

BENEFICIADOS – Rubens Lucas de Sales, morador da Avenida Oswaldo Cruz, no Jardim Belo Horizonte II, está bastante satisfeito com a obra que viabilizou a coleta do esgoto do seu imóvel. “A rede de esgoto vai nos ajudar muito. Além da saúde do povo, vai ajudar o nosso bairro a crescer e se desenvolver ainda mais”, afirma.

Leia Também:  Governo abre novos leitos exclusivos Covid em Telêmaco Borba

Rubens conta que já teve problema com fossa no quintal da casa, onde mora desde 1996. “Precisei desativar uma fossa pequena, que estava quase desabando, e fiz outra maior. Está ótima a nova, mas o bom mesmo é poder usar a rede da Sanepar”, destaca.

MAIS OBRAS – Durante o mês de abril, a Sanepar implementou a rede coletora de esgoto para atender o Hospital Regional de Ivaiporã, referência no tratamento da Covid. A mesma rede atende o Fórum Eleitoral, o Fórum Estadual Regional, o campus da Universidade Estadual de Maringá (UEM) e uma escola municipal, além de famílias moradoras do trajeto até o Parque Ambiental Jardim Botânico.

Recentemente, a Sanepar implantou um novo reservatório de água em Ivaiporã, ampliando a capacidade de armazenamento de água de 2 milhões de litros para 3 milhões de litros, com investimentos em torno de R$ 1 milhão.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo