Policial

PCPR prende três suspeitos de homicídio ocorrido após festa em motel de Curitiba    

Publicados

em


.

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu três suspeitos de envolvimento no assassinato de Henrick Marcel Ribeiro Pinto, 24 anos. O crime ocorreu no dia 28 de junho deste ano, no bairro Seminário, em Curitiba. Os indivíduos tiveram os mandados de prisão temporária cumpridos na manhã desta quinta-feira (6), na capital paranaense e Região Metropolitana.  

Cerca de 80 policiais civis cumpriram simultaneamente 14 mandados de busca e apreensão, com auxílio de cães farejadores. Foram apreendidas 60 buchas de cocaína, 40 de crack e 22 de maconha e munições. Dois homens foram presos em flagrante por tráfico de drogas.  

As buscas ocorreram nos bairros Boa Vista, Cidade Industrial, Santa Cândida, Sítio Cercado e Pinheirinho e nos municípios de Colombo e Piraquara.    

O CRIME – A vítima havia participado de festa em um motel, de onde saiu dirigindo um carro na companhia de dois amigos. Ele foi perseguido por uma caminhonete, levou um tiro no pescoço e morreu dentro do carro, que colidiu com uma árvore. Os amigos sofreram apenas algumas lesões.    

Leia Também:  Mais de 45 quilos de maconha são apreendidos pelo BPFron em São Miguel do Iguaçu (PR)

INVESTIGAÇÃO – A PCPR apurou que o crime teria ocorrido porque a vítima havia jurado se vingar de um dos suspeitos, por acreditar que ele teria assassinado seu pai. 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Policial

Abordagem da ROTAM termina com drogas e R$ 14 mil apreendidos no Guaíra, em Curitiba

Publicados

em

Por


.

Marcia Santos

Jornalista Responsável

 

Em uma casa no bairro Guaíra, em Curitiba, a Rondas Ostensivas Tático Móvel (ROTAM) do 20° Batalhão de Polícia Militar (20° BPM) apreendeu dois quilos de maconha, 615 gramas de ecstasy, mais 1 mil pontos de LSD e R$ 14 mil em dinheiro. A ocorrência foi no início da madrugada deste sábado (26/09), e resultou  na prisão de um homem.

Segundo o Boletim de Ocorrência, equipes da Rondas Ostensivas Tático Móvel (ROTAM) estavam em patrulhamento pelo bairro quando notaram que o motorista de um VW Jetta estava nervoso ao perceber a viatura. Os policiais militares fizeram a abordagem e procederam uma vistoria ao carro. Embaixo do banco do passageiro havia um pacote com 148 gramas de comprimidos de ecstasy. 

Dali, a equipe foi até a casa do suspeito, no bairro Guaíra, pois o relato do home é de que naquele endereço havia mais drogas. Segundo o Boletim, o rapaz indicou onde estavam os objetos ilícitos. No local foram encontrados mais comprimidos de ecstasy, pontos de LSD, tabletes de maconha do tipo morruga, além de R$ 14.570,00 em dinheiro. A equipe localizou ainda uma pistola de calibre 9mm, de marca Glock, e 26 munições para calibre .380.

Leia Também:  PCPR e PCSP prendem suspeito de ameaçar autoridades de SP em Maringá

O homem acabou preso pelos policiais e foi conduzido à Central de Flagrantes da Polícia Civil para que as medidas cabíveis fossem adotadas.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo