Policial

PCPR lança 2ª edição de sua revista científica

Publicados

em

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) lançou a 2ª edição da revista científica de sua Escola Superior de Polícia Civil. A novidade desta edição é o número de artigos publicados, que dobrou em relação à edição anterior. A revista traz 23 artigos científicos sobre temas da área da segurança pública produzidos por alunos pós-graduados da instituição e por autores convidados.

A maioria dos artigos são fruto da conclusão de cursos de especialização da Escola Superior da PCPR. Os alunos se formaram em cursos de pós-graduação de análise estratégica em segurança pública, atendimento pré-hospitalar policial e gestão de segurança pública. Este último é ofertado a todos os convocados em concursos públicos, sendo que o curso de formação inicial para assumir o cargo já é considerado uma especialização. Entre os autores estão escrivães, investigadores e delegados.

O investigador e coordenador de planejamento e pós-graduação da escola, professor doutor Vladimir Luís de Oliveira, conta que foram avaliados 60 artigos para serem publicados e após uma seleção foram editados dois volumes para a revista. “Houve um incremento considerável na produção de artigos científicos que é inspirado pelos cursos de pós-graduação da Polícia Civil”, disse.

Leia Também:  PCPR prende cinco pessoas e apreende 20 veículos de organização criminosa

Oliveira afirma que a revista científica da está sendo bem aceita pelas polícias civis e militares brasileiras, inclusive tendo os artigos citados em trabalhos acadêmicos. O acesso à revista é livre e pode ser feita pela internet no endereço: www.revistas.pr.gov.br/index.php/espc/edicao-atual.

META – Para o ano que vem, a PCPR planeja imprimir a 3ª edição da revista e alterar a periodicidade publicação para semestral. Entre outras melhorias da instituição, Vladimir diz que a meta é aumentar o número de professores com mestrado e doutorado nos cursos ofertados.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Policial

PCPR prende cinco pessoas e apreende 20 veículos de organização criminosa

Publicados

em

Por


.

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu temporariamente cinco pessoas e apreendeu 20 veículos de luxo de uma organização criminosa envolvida em lavagem de dinheiro, receptação, adulteração de veículos, estelionato e falsificação de documentos, nesta sexta-feira (3). A ação foi deflagrada em sete cidades do estado e contou com a participação de 70 policiais civis.

Três homens, de 35, 43 e 46 anos, foram presos em Londrina. Um homem de 32 foi preso em Guaraci e outro de 28 foi preso em Arapongas. Todas cidades do Norte do estado. Além disso, 20 mandados de busca e apreensão foram cumpridos nos municípios em questão, bem como em Maringá, Paranavaí, Sertaneja e Tamarana.

A operação foi deflagrada em razão de uma investigação que apura desde o uso de identidades falsas pelos suspeitos até a abertura de empresas fantasmas, abertas para lavar dinheiro ilícito. Os criminosos agiam inclusive na falsificação de documentos públicos.

Dois dos alvos ainda encontram-se foragidos.

A operação foi batizada como “Caça-Fantasmas” devido a modalidade criminosa de abrir empresas fraudulentas, chamadas de fantasma.

Leia Também:  PCPR prende dois suspeitos de estuprar uma criança em Curitiba

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo