Estadual

Pacientes graves poderão receber medicamento liberado pelo Ministério da Saúde

Publicados

em

.

O Ministério da Saúde publicou uma Nota Informativa que trata do uso do medicamento Cloroquina como terapia auxiliar no tratamento de casos graves de Covid-19 para pacientes hospitalizados. A Nota nº 5/2020-DAF/SCTIE/MS foi divulgada na tarde desta sexta-feira (27).

“A medicação será disponibilizada para uso, a critério médico, como um auxílio no tratamento, especificadamente para pacientes em casos graves e que estejam hospitalizados. Não indicamos a auto medicação e nem que as pessoas corram até as farmácias para comprar e ingerir esse remédio pois ele não é uma cura para a doença”, alertou o secretário da Saúde do Paraná, Beto Preto.

Para a população em geral, o secretário reforça as medidas de prevenção da doença: lavar as mãos várias vezes com água e sabão ou utilizar álcool gel, lavar os pulsos, entre os dedos e embaixo das unhas; limpar os objetos mais manuseados com álcool, manter os ambientes sempre ventilados e arejados, ao tossir ou espirrar, cobrir a boca e o nariz com o braço ou com um lenço descartável”.

Leia Também:  Sanepar acelera obras da barragem do Miringuava, na Grande Curitiba

ISOLAMENTO – Além disso, segundo ele, o isolamento social é essencial para evitar a disseminação do vírus. “A Secretaria da Saúde, alinhada com o Governo do Estado, reforça que o isolamento social é importante para evitarmos a contaminação de mais pessoas”.

A medida considera que não existe outro tratamento específico eficaz disponível até o momento. Existem atualmente dezenas de estudos clínicos nacionais e internacionais em andamento, avaliando a eficácia e segurança de cloroquina/hidroxicloroquina para infecção por Covid-19, bem como outros medicamentos, e, portanto, essa medida poderá ser modificada a qualquer momento, a depender de novas evidências científicas.

PARANÁ – O medicamento Cloroquina começou a ser distribuído pelo Ministério da Saúde às Secretarias Estaduais de Saúde na sexta-feira, 27 de março.

A Secretaria de Estado da Saúde informa que tem estoque para atendimento imediato aos pacientes que se enquadrem exclusivamente no critério estabelecido pelo Ministério da Saúde, já a partir desse final de semana.

O estoque está disponível no setor de epidemiologia das 22 Regionais de Saúde para fornecimento aos hospitais. O Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde do Paraná (Cievs-PR) poderá informar aos hospitais o processo do acesso ao medicamento.

Leia Também:  Proteção de nascentes ajuda área rural do Paraná a enfrentar a seca

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Estadual

Workshop reúne empreendedores do programa Sinapse da Inovação

Publicados

em

Por


.

O Programa Sinapse da Inovação realiza nesta terça-feira (9), às 14h30, o Workshop Validação do Problema. O evento marca o início da etapa de pré-incubação, na qual as 92 empresas contratadas, com o recurso em conta, desenvolvem seus produtos e modelos de negócio.

Desenvolvido pelo Governo do Estado, o programa incentiva o empreendedorismo inovador. O workshop de terça-feira contará com a participação de representantes da Fundação Araucária, Superintendência de Inovação da Casa Civil, Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, universidades, Sebrae-PR e Fundação Certi.

SUBVENÇÃO – Após a contratação de todas as empresas aprovadas no Programa Sinapse da Inovação, o Governo do Estado por meio da Fundação Araucária, investiu R$ 3,5 milhões em 92 startups, na forma de subvenção econômica.

“Por meio deste programa estamos oportunizando que estes empreendedores capacitados tenham sucesso em seus negócios. Por consequência, estamos incentivando a criação de riqueza e bem-estar ao cidadão paranaense”, afirma o presidente da Fundação Araucária Ramiro Wahrhaftig. “Sempre com foco nas áreas de interesse do Governo do Estado para o desenvolvimento do Paraná”, ressalta.

Leia Também:  215 pessoas morreram em decorrência da Covid-19

A capacitação terá como tema principal “O problema que sua empresa quer solucionar está 100% validado? Entenda o conceito de job to be done e amplie suas chances de sucesso”. A palestra será ministrada pelo Consultor de Negócios da Fundação Certi, Carlos Bizzotto.

Os empreendedores receberão orientações e ferramentas para aplicar os conhecimentos no desenvolvimento de seus negócios. 

O link do evento, que será transmitido pelo YouTube, será divulgado nas redes sociais do programa e no site da Fundação Araucária www.fappr.pr.gov.br

HISTÓRICO DO PROGRAMA – O Sinapse da Inovação é um programa de incentivo ao empreendedorismo inovador que visa transformar ideias inovadoras em negócios de sucesso.

Promovido pelo Governo do Estado por meio da Fundação Araucária, operado pela Fundação Certi e apoiado pelo Sebrae e Sistema Fiep, a primeira edição paranaense do programa bateu o recorde de inscrições recebidas, com 1851 propostas inovadoras.

Durante a fase de submissão, foram mais de seis mil usuários cadastrados na plataforma, estes oriundos de 265 municípios do estado, um envolvimento e representatividade de mais de 66% das cidades paranaenses.

Leia Também:  Workshop reúne empreendedores do programa Sinapse da Inovação

As 1851 ideias inovadoras obtidas na fase de inscrições foram avaliadas e 302 passaram para a segunda fase de seleção, submetendo o projeto de empreendimento, para que até 200 chegassem à terceira e última fase do processo.

Por fim, concretizando a terceira e última etapa, as equipes submeteram o projeto de fomento e foram aprovados 100 projetos inovadores. Dos 100 projetos aprovados, 92 se transformaram em empresas e receberam até R$ 40 mil cada, em subvenção econômica da Fundação Araucária.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo