Sexta, 23 de Julho de 2021 20:29
44 99157-4575
Geral Mato Grosso do Sul

Atualize seu endereço no site do Detran e receba informações e CNH em casa

Confira o passo a passo de como alterar seu endereço de forma online no site do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito) e receber informações...

23/06/2021 06h05
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Confira o passo a passo de como alterar seu endereço de forma online no site do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito) e receber informações sobre multas, fraudes e até a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), no conforto da sua casa.

Desde março, a atualização que antes era feita apenas de forma presencial, pode ser feita a qualquer hora e lugar pelo portal Meu Detran ou App Detran MS, basta realizar o cadastro, procurar por habilitação e “alteração de endereço de condutor”. Se houver algum veículo em seu nome, deve acessar também o ícone veículo, atualização de endereço.

Além de informação, desde o início desse mês, todas as CNH´s expedidas pelo Detran-MS estão sendo entregues de forma exclusiva e obrigatória diretamente no endereço dos condutores pelos Correios.

De acordo com a diretora de Habilitação do Detran-MS, para evitar desencontros, é importante que o condutor atualize seu cadastro. “É mais uma facilidade de receber documentos no conforto da sua casa, não precisar se dirigir a nenhuma agência e também não ser pego desavisado”, aponta.

Confira algumas vantagens em atualizar o seu endereço:

1 – Você saberá quando cometeu uma infração

Certas infrações passam despercebidas até mesmo para quem às cometeu. Em outros casos, o condutor até sabe que deu aquela escorregada, mas acredita que ninguém viu. Nestes casos, o Detran-MS notifica os proprietários para que estes tenham conhecimento da infração cometida e também para que tenham tempo para recorrer e justificar às observações. Contudo, essa notificação é realizada exclusivamente pelos correios. Por isso o endereço precisa estar atualizado.

2 – Você terá a oportunidade de se justificar no prazo e pode apresentar recursos de uma multa

O Detran-MS analisa os recursos dos proprietários para autuações praticadas com veículos registrados em seu nome. Deverão ser apresentadas as alegações e caso sejam conhecidas pelo órgão e o recurso provido, a multa é cancelada. No entanto, isso deve ser feito dentro do prazo de 15 dias se autuação ou 30 dias, se notificação de penalidade.

3 – Você poderá identificar o condutor infrator no prazo

Caso você receba notificações de infrações realizadas em seu veículo, mas que foram cometidas por outra pessoa que por ventura conduziu o seu veículo, você pode recorrer solicitando a transferência da pontuação. Para que o condutor que de fato infringiu as regras de trânsito, responda por seu ato. Esse processo também tem prazo, a partir da notificação, de 15 dias. Mais uma vez: atualize o endereço!

4 – Você não será surpreendido em uma blitz com a informação de que sua Carteira de Habilitação está suspensa

Caso você não seja notificado das infrações que cometeu, ou que terceiros cometeram em seu veículo, a pontuação pode se acumular a ponto de suspender a sua CHN. Desta forma, em um dia qualquer você pode ser parado em uma abordagem de fiscalização corriqueira e descobrir que está com a CNH suspensa. O que inclusive caracterizaria uma outra infração: conduzir veículo com Habilitação suspensa, além da abertura do processo de cassação da CNH.

5 – Você saberá se for vítima de uma fraude

Caso alguém mal-intencionado consiga clonar a placa do seu veículo, ele pode cometer infrações que poderão vir a ser aplicadas ao seu veículo. Contudo, entrando com um recurso simples junto ao Detran-MS, essa situação é facilmente resolvida. Mas para isso você deve se prevenir mantendo os seus dados atualizados.

Bruna Pasche, Detran-MS

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias