Nosso grupo do WhatsApp WhatsApp
Quarta, 19 de Maio de 2021 00:12
44 99157-4575
Cidades Pedofilia

Homem de 63 anos é preso acusado de pedofilia em Barbosa Ferraz; polícia apreendeu arma de fogo e computador

Homem de 63 anos é preso acusado de pedofilia em Barbosa Ferraz; polícia apreendeu arma de fogo e computador

09/04/2021 12h22
Por: Redação Fonte: http://colunadorato.com.br/?p=2893&fbclid=IwAR257C1-GeDf0rHWnQA5_HxEuGGWaIC1AbK-df5JzQzBs293ybykKgEkfs0
Homem de 63 anos é preso acusado de pedofilia em Barbosa Ferraz; polícia apreendeu arma de fogo e computador

Na manhã desta sexta-feira (9), a Polícia Civil, comandada pelo delegado Dr Carlos Gabriel Stecca, e Militar, comandada pelo Sargento Picarski, realizaram uma operação para cumprir mandados de busca e apreensão e de prisão na casa de um ex-servidor público municipal, suspeito do crime de pedofilia.

O suspeito se trata de um ex-servidor aposentado, da prefeitura de Barbosa Ferraz. O homem atuou durante muitos anos no setor de identificação e alistamento militar da prefeitura de Barbosa Ferraz. Ele foi identificado pelas iniciais D.T., 63 anos de idade.

Após levantar evidencias robustas da autoria dos delitos, o Delegado de Polícia civil, Dr Carlos Gabriel Stecca, pediu a prisão preventiva do suspeito. Ainda segundo informações, esse não seria o primeiro caso envolvendo o homem. Acusado do crime de pedofilia, o homem foi preso por volta das 6 horas da manhã de hoje, na Rua Tamoios, próximo do complexo esportivo da Vila Nova.Após a prisão, o homem foi levado para a Delegacia de Polícia Civil de Barbosa Ferraz, onde foram realizados todos os procedimentos legais e ele foi recolhido na carceragem da delegacia, ficando preso à disposição da justiça.

Em conversa com o delegado Dr. Carlos Gabriel Stecca, os fatos foram revelados no mês de março deste ano. As investigações apontaram que ele estava abusando sexualmente de uma criança de 8 anos de idade e isso estaria acontecendo desde quando a criança tinha 3 anos.

Ainda segundo informações do delegado, a criança se trata de uma sobrinha neta do acusado e o crime sempre acontecia na casa da avó da criança.

No início começou com carícias intimas, ele obrigava a criança a praticar sexo oral com ele, masturbação e ainda segundo o inquérito, tentou a conjunção carnal vagínica.

O acusado já responde por outro processo de estupro, semelhante a esse, cujo a denúncia foi oferecia pelo Ministério público à justiça neste mês de março.

O homem se encontra preso, a disposição da justiça e durante as buscas foram localizadas munições de calibre 22, uma espingarda calibre 22 (com registro, um aparelho celular do acusado e um notebook, que segundo o delegado serão encaminhados para perícia para tentar localizar material pornográfico infantil, que possam existir nos aparelhos eletrônicos aprendidos na casa.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias