Segunda, 17 de Junho de 2024
17°

Parcialmente nublado

Nova Cantu, PR

Cidades Cidades

Obras viabilizadas pelo Estado melhoram qualidade de vida em Almirante Tamandaré

Município da Região Metropolitana de Curitiba tem série de obras em andamento, como pavimentação, construção de ponte e capelas mortuárias. O inve...

16/11/2023 às 15h51
Por: Redação Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
Foto: Valdelino Pontes/SECID
Foto: Valdelino Pontes/SECID

O apoio do Governo do Estado, aliado ao planejamento dos municípios, garante melhoria na qualidade de vida da população e maior variedade de serviços públicos ofertados. É o que acontece em Almirante Tamandaré, de 120 mil habitantes (IBGE, 2022), na Região Metropolitana de Curitiba. Atualmente, apenas com recursos liberados pela Secretaria das Cidades (Secid), o município tem 10 ações em execução, resultado da aplicação de R$ 17,9 milhões em obras públicas de diversos tipos, como asfalto, ponte, capelas mortuárias.

Além desses projetos em andamento, a Secid viabilizou, desde janeiro de 2019, outras 27 ações, todas já entregues, que somadas chegam a R$ 27,41 milhões, para obras de pavimentação em ruas de diversos bairros e a aquisição de veículos ou equipamentos rodoviários.

De acordo com o secretário Eduardo Pimentel, o trabalho de parceria com as prefeituras é constante. “No nosso cardápio há uma série de obras de melhorias na infraestrutura urbana que têm como objetivo final atender as necessidades dos moradores. Esse olhar é especial para a região Metropolitana de Curitiba, que registra populacional expressivo, segundo o Censo”, diz ele.

São obras viabilizadas pelo Programa de Transferência Voluntária da Secid, modalidade que destina recursos que não precisam ser devolvidos ao Tesouro do Estado, e pelo Sistema de Financiamento de Ações Municipais (SFM).

BAIRROS –A pavimentação nova altera a realidade de locais de difícil acesso como as ruas Rio Paraná, Cintia de Abreu, João Antunes de Lara e Sebastião Alcântara, no Bairro Cachoeira. É o que afirma Adrielle Valeriano, mãe de quatro filhos, que trabalha em uma lanchonete e mora há 31 anos no bairro Cachoeira. Para ela, o asfalto é muito bem-vindo. “Está melhorando bastante. Quando chovia, era horrível, não dava para descer, nem para subir. Com a conclusão da obra, vai ficar muito bom”, afirma.

“Quando cheguei, há 40 anos, era tudo mato. Sofremos muito aqui. Quando chovia, a gente limpava a casa de noite e, no dia seguinte, quando voltava do trabalho, estava tudo molhado de novo. Com essa obra, mudou muito. Sonhamos com esse asfalto há muito tempo. Agora, graças a Deus, já está na mão”, conta Joselito Euzébio da Silva, 75 anos, ex-pedreiro e que trabalha com a coleta de produtos para reciclagem.

CENTRO –O segurança Alexandro Barbieri, morador da região Central, comemora a construção da ponte sobre o Rio Barigui, na Rua José Carlos Colodel. Para ele, a ligação será importante para a mobilidade e para desenvolver o comércio local. “Vai ter mais movimento, o que é bom para as lojas e outras empresas. Será bom, também, para a segurança, já que vai facilitar o acesso ao Módulo Policial, sem contar a facilidade para chegar aos bancos”, fala.

De acordo com o prefeito Gerson Colodel, executar um grande número de ações de características diferentes é resultado de muito planejamento, de ouvir as pessoas e de conseguir os recursos que possibilitam as realizações. “Percorremos os bairros, conversamos com as pessoas e, uma vez por mês, fazemos a ‘Agenda Aberta’, quando a população pode vir à prefeitura e conversar sem marcar horário. É chegar e falar das necessidades”, diz Colodel.

A Secretaria de Planejamento e as outras pastas identificam as prioridades e elaboram os planos de ação. “Encontramos apoio no Governo do Estado, com a Secretaria das Cidades, que libera os recursos para levar obras a todos os cantos do município”, explica o prefeito.

AS OBRAS –Sete das obras autorizadas são de pavimentação asfáltica. O investimento é de R$ 1.958.054,59 (SFM), no bairro Cachoeira, 69% já realizados; R$ 1.725.698,28 (SFM), em ruas da Vila Grécia, com a implantação superando os 78%; R$ 760.469,24 (SFM), com 64% concluídos, e R$ 608.821,52 (Transferência Voluntária), ambos no Jardim Rafaela (Bairro Restinga Seca), que conta com 35% implantados; e R$ 8.692.577,60 (Transferência Voluntária) para pavimentar e revitalizar Estrada Vicinal no Bairro Tranqueira.

Outras duas já têm os recursos garantidos, pelo Programa de Transferência Voluntária e estão em processo de licitação da empresa que irá executar os projetos: R$ 717.767,79 para pavimentar as ruas Matinhos e Engenheiro Francisco Driesel; e R$492.371,15 para a Rua São Manoel.

Há, ainda, a ponte em concreto armado, com 503,04 metros quadrados de área construída, para a qual foram destinados R$ 1.306.758,86 (Transferência Voluntária) e que está com 32% já prontos; e duas capelas mortuárias: no Bairro Vila Rachel (R$971.943,73, Transferência Voluntária), com 74% já concluídos; e R$720.652,88 (Transferência Voluntária), no Bairro Cachoeira, em andamento, com 35% já construída.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Nova Cantu, PR Atualizado às 03h04 - Fonte: ClimaTempo
17°
Parcialmente nublado

Mín. 16° Máx. 27°

Ter 27°C 16°C
Qua 27°C 16°C
Qui 24°C 15°C
Sex 28°C 18°C
Sáb 27°C 21°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias