Sábado, 25 de Junho de 2022
18°

Muitas nuvens

Nova Cantu - PR

BRDE Paraná

Contratos de financiamento assinados pelo BRDE no Show Rural somam R$ 350 milhões

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) assinou nesta sexta-feira (11), no Show Rural, em Cascavel, cerca de 30 contratos de fina...

11/02/2022 às 15h40
Por: Redação Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
Foto: BRDE
Foto: BRDE

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) assinou nesta sexta-feira (11), no Show Rural, em Cascavel, cerca de 30 contratos de financiamento e de repasse via incentivos fiscais. O montante de recursos soma aproximadamente R$ 350 milhões.

Entre os contratos estão o da C.Vale, de Palotina, para financiamento de uma unidade de esmagamento de soja; e da Avenorte, de Cianorte, para construção de uma nova subestação de energia.

As assinaturas firmam o compromisso em investimentos a cooperativas, empresas, produtores rurais com projetos de modernização e expansão de atividades agroindustriais, melhorias em estrutura de fazendas de produção agrícola, irrigação, armazenagem, logística, geração e transmissão de energia, no Paraná e Mato Grosso do Sul.

Além disso, o BRDE fez o repasse de recursos internacionais da CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina) para a SICREDI Central PR/SP/RJ, para financiamento aos associados empreendedores rurais e urbanos das cooperativas filiadas da Central no Paraná.

Também foi acrescentada nos termos de assinatura a abertura de crédito para projetos de mobilidade urbana e energia para a cidade de Cascavel, na ordem de R$ 100 milhões.

“O BRDE vai se transformar no maior banco de fomento do País. A capacidade de investimentos aumenta a cada dia, com novos recursos para financiamento a agricultores, indústrias e cooperativas”, afirmou o vice-governador Darci Piana, que participou do evento.

O presidente do BRDE, Wilson Bley Lipski, destacou que, por determinação do governador Carlos Massa Ratinho Junior, o banco mudou a postura a fim de atingir o maior número de clientes e pulverizar recursos.

“Não deixamos de fazer aquilo que a sociedade esperava, que é distribuir esses recursos. As parcerias das cooperativas de crédito nos ajudam a atender e levar esse recursos para pequenos, médios e grandes produtores, o que faz a diferença nesse trabalho”, afirmou Bley Lipski. “Essas operações contribuem para o desenvolvimento econômico e geração de empregos no Paraná”.

COOPERATIVISMO – O presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, falou sobre o Plano Paraná Cooperativo PCR 200, desenvolvido pela entidade para assegurar o crescimento do cooperativismo no Paraná. O objetivo é atingir R$ 200 bilhões de faturamento nos próximos anos.

“Apesar de todas as dificuldades, inclusive da pandemia, não tivemos a opção de parar e tivemos um crescimento permanente nesse período. Nos próximos cinco anos devemos investir no Paraná o equivalente a R$ 30 bilhões em agroindústria e novas estruturas de recepção de produtos”, informou.

Para Dilvo Grolli, presidente da Coopavel, o BRDE tem um papel fundamental na estruturação das cooperativas agroindustriais nos estados da região Sul. “São mais de 50 anos de participação dentro da economia paranaense e da região Sul em financiamentos a longo prazo, que geram emprego, desenvolvimento e crescimento social”, afirmou.

OPERAÇÕES– As operações do banco envolvem parcerias, financiamentos, linhas de crédito, produtos e serviços ao agronegócio. As contratações do setor representaram 60% do total de operações do BRDE no Paraná em 2021, ano em que o banco atingiu R$ 1,4 bilhões em contratos no Estado.

Do montante destinado ao agronegócio, 29,5% foi destinado à produção agropecuária e R$ 151 milhões em investimentos das cooperativas de produção. Quase 30% dos financiamentos foram para projetos da região Oeste do Paraná.

PARCEIROSAs operações estabelecidas entre BRDE e seus clientes vão além de negócios. São parcerias de fomento no agronegócio, geração de emprego, oportunidade de expansão e desenvolvimento. Dessa forma, os cases dos parceiros BRDE ilustram essa relação, descritas por alguns deles, durante o evento de assinaturas.

A história da C.Vale se conecta com a do BRDE desde a construção do primeiro armazém de grãos da cooperativa na década de 1970. Nesta edição do Show Rural, a C.Vale fechou contrato com o BRDE para construir uma esmagadora de soja que deve entrar em operação no final de 2023. A nova indústria terá a capacidade de processamento de 2.500 toneladas por dia e vai gerar em torno de 600 empregos.

“A parceria é de longa data. E não seria diferente agora com a construção da esmagadora de soja, ao disponibilizar uma linha de crédito para financiar parte da obra”, afirmou Alfredo Lang, presidente da C.Vale.

A Avenorte Avícola Cianorte também é parceira do BRDE desde sua fundação, em 1997. Foi por meio de um financiamento do banco que a Avenorte nasceu. Nesta edição do Show Rural, a fábrica, que abate cerca de 216 mil aves por dia e emprega 3.100 funcionários fechou contrato com o BRDE para construir uma nova subestação de energia elétrica.

“O banco sempre fez parte da história da Avenorte de forma ativa, participativa e muito importante. Por isso que hoje, sempre que a gente vai fazer qualquer projeto, procuramos primeiramente aqueles que já foram nossos parceiros, como o BRDE”, contou Rodrigo Guimarães, diretor da avícola.

PRESENÇAS– Participaram do evento de assinaturas o diretor administrativo do BRDE, Luiz Carlos Borges da Silveira; os secretários estaduais da Saúde, Beto Preto, de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, e da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara; o prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos; e representantes das cooperativas de crédito, do Banco do Agricultor, diretoria da Uopeccan e deputados estaduais e federais.

Repasse de recursos e reunião de diretoria fizeram parte da programação do BRDE no Show Rural 

Além das assinaturas dos contratos, o BRDE repassou, durante o Show Rural, R$ 558 mil ao Hospital do Câncer Uopeccan, de Cascavel. Os recursos, enviados por meio de incentivo fiscal, serão destinados a programas de apoio e atenção ao câncer e a pessoas com deficiência.

No evento também aconteceram a reunião dos diretores do BRDE dos três estados do Sul e a assinatura do protocolo de intenções com Fundação Parque Tecnológico de Itaipu, a fim de ratificar o compromisso de promover ações futuras nas áreas de Tecnologia e Inovação por meio de Acordo de Cooperação Técnica.

Também houve discussão sobre fomento de turismo na região com diretores do BRDE, o prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, e empresários, no Parque das Aves. Rodadas de negócios foram realizadas todos os dias no estande do BRDE.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias