Sexta, 17 de Setembro de 2021
19°

Poucas nuvens

Nova Cantu - PR

Geral Cogumelos

Além dos pratos vegetarianos: cogumelo ganha status de ingrediente principal no cardápio

Consumidores descobrem novas variedades e benefícios do alimento e produção cresce em colônias holandesas no Brasil

26/07/2021 às 20h58
Por: Redação
Compartilhe:
Créditos: Caroline Salomons
Créditos: Caroline Salomons

Shimeji, Portobello, Shitake, Paris. A praticidade e a versatilidade do cogumelo fizeram com que o alimento ganhasse mais popularidade no cardápio do brasileiro nos últimos anos. E foi justamente por essa variedade que a empreendedora Caroline Salomons começou a atuar no ramo da fungicultura. Ela iniciou a produção em 2017, após o nascimento da sua primeira filha, em Arapoti (PR). Com o objetivo de conseguir uma renda extra e conciliar a maternidade ao trabalho, Caroline encontrou na fungicultura uma maneira de se reinventar profissionalmente. “A estrutura que eu tinha era ideal para começar, o investimento inicial era baixo, então, seria possível fazer todo o processo sozinha, conciliando com os trabalhos em casa e o cuidado com a minha filha”, conta. 

Já o agropecuarista Jan Haasjes conta que sempre quis produzir cogumelos. Porém, somente em 2007 iniciou a produção de champignon em Castro (PR). Atualmente, Jan produz o substrato do cogumelo para o cultivo. “O meu país de origem, Holanda, era e é um país muito avançado em tecnologia de produção de cogumelos. Então procuramos lá alguma assessoria para nos ajudar nesse início aqui e deu certo”, afirma. Ele acredita que o consumo desse alimento pode aumentar ainda muito futuramente. “Na cultura holandesa o consumo per capita é 10 vezes maior que o consumo no Brasil. Portanto, nós enxergamos o mercado de cogumelos com um forte potencial de crescimento”, destaca. 

O cogumelo está presente no prato de muitos veganos e vegetarianos, pois é fonte de proteína e, assim, uma boa opção de substituição da carne. Além disso, também é fonte de minerais e vitaminas que proporcionam vários benefícios ao organismo. Por ser rico em fibras, o cogumelo também contribui para o bom funcionamento do intestino. Sem contar que desempenha um papel importante na saúde cardiovascular, melhora o sistema imunológico e é indicado para quem tem diabetes.

Como o cogumelo utiliza oxigênio e produz gás carbônico, a produção exige muitos cuidados para que não haja perdas. Segundo Caroline Salomons, para o crescimento do cogumelo é necessário um substrato nutritivo e muito esterilizado. Sendo assim, se não houver higiene e atenção, os fungos “adversários” podem acabar com toda a produção em questão de horas. “Esse nosso ‘inimigo’ é invisível e está em toda parte, pois a maioria dos fungos competidores são microscópicos e ficam no ar o tempo todo. Então, esse processo é muito minucioso. Há também o cuidado com a climatização, já que os cogumelos crescem muito rápido e podem morrer com variações mínimas na temperatura, que estressam seu metabolismo”, explica a empresária. 

Tradição da cultura e também da culinária holandesa, esse costume trazido pelos imigrantes é preservado nos Campos Gerais (PR). “Esse tipo de produção é muito encontrada na cultura holandesa, e nós percebemos que é uma prática comum nas comunidades dos Países Baixos aqui no Brasil”, comenta Willem Kiewiet da Associação Cultural Brasil-Holanda (ACBH).

Toda essa cautela e cultura envolvidas na produção fazem com que o cogumelo seja ingrediente de diversas receitas holandesas. Um dos pratos típicos é a sopa de cogumelos. Caroline Salomons também indica outro preparo: a conserva de shimeji, que pode ser colocada em torradinhas como entrada. Confira as receitas e bom apetite!

Sopa de Cogumelos

Ingredientes para duas porções

500 gramas de músculo de boi ou 300 gramas de peito de frango

100g de manteiga

2 colheres (sopa) de farinha de trigo

200ml de leite

300 gramas de shimeji

2 folhas de louro 

3 cravos-da-Índia

1 cenoura picada

4 batatas

1 cebola picada

2 talos de Salsão picados

1 alho-poró picado

Modo de preparo

Coloque em uma panela grande a carne ou o frango em cubos, com o louro, os cravos, a cenoura, a cebola e o salsão picados. Cubra tudo com água suficiente para formar a sopa e deixe cozinhar por cerca de 3 horas em fogo baixo. Na última meia hora, coloque as batatas picadas para cozinhar.

Quando o caldo ficar pronto, use outra panela para derreter  a manteiga e “fritar” a farinha de trigo em fogo baixo. Jogue essa mistura para engrossar o caldo. Mexa bem e adicione o leite. Cozinhe em fogo baixo e coloque sal e pimenta-do-reino a gosto. 

Em uma frigideira, refogue o alho-poró picado e a cebola. Deixe dourar bem. Depois, misture ao caldo que está cozinhando.

Leve a frigideira novamente ao fogo e refogue o cogumelo shimeji cortado em pedaços pequenos. Deixe dourar e, em seguida, coloque na panela do caldo. Mexa bem todos os ingredientes e desligue o fogo após engrossar a sopa. Acrescente salsinha picada a gosto e sirva.

Conserva de Shimeji 

Ingredientes

400g de shimeji

3 colheres (sopa) de azeite

6 colheres (sopa) de vinagre (ou suco de limão)

4 colheres (sopa) de cebolinha picada

1/2 colher  (chá) de gengibre em pó (ou 1 colher dele fresco)

1 ou 2 dentes de alho 

Sal e pimenta-do-reino a gosto 

Modo de preparo

Coloque os shimejis em água fervente por 3 minutos. Enquanto isso, ponha numa travessa todos os outros ingredientes e misture. Após cozinhar o shimeji, coloque tudo em um pote de vidro hermético e deixe marinando por algumas horas. Dura de 5 a 7 dias na geladeira.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias