Carros e Motos

Mitsubishi Eclipse Cross 2022: modelo é atualizado e perde traseira polêmica

Publicados

em


source

Carro Esporte Clube

undefined
Thiago Ventura

Mitsubishi Eclipse Cross 2022: modelo é atualizado e perde traseira polêmica

Crossover japonês passa por facelift severo para alterar a traseira, que vinha gerando críticas. Mitsubishi Eclipse Cross 2022 deve chegar no próximo ano ao Brasil

Marca japonesa revelou no exterior a  visual renovado do seu crossover Eclipse Cross. A principal mudança fica por conta da traseira, elemento que vinha gerando muita polêmica. 

A dianteira adota uma versão evoluída do conceito de design ‘Dynamic Shield’ da Mitsubishi, expressando ‘força’ e ‘segurança’. Layout de luz e novos parachoques completam o visual do SUV, que segue com linhas arrojadas. 

Mas a mudança drástica ficou mesmo por conta da traseira. A janela foi redesenhada, inclusive ampliando o campo de visão.
As lanternas tridimensionais do Eclipse Cross se estendem para cima e para dentro, enquanto a tampa do  porta-malas   apresenta um design hexagonal. 

Dentro da cabine, um novo interior preto com detalhes em prata e bancos em couro cinza claro . Os frisos das portas também combinam com a cor dos assentos. O Eclipse Cross ganhou  novo sistema de áudio  com tela de 8 polegadas, que  foi movida para mais perto do motorista e do passageiro da frente para facilidade de uso.  O touchpad que era usado anteriormente para várias funções foi removido.

O Eclipse Cross atualizado chega primeiro na Austrália e Nova Zelândia em novembro. Para os Estados Unidos, está previsto para o primeiro trimestre de 2021, já como modelo 2022. Devemos esperar para depois dessa data o lançamento no Brasil. 

Leia Também:  Pandemia fez acelerar a venda de motos no mundo

O post Mitsubishi Eclipse Cross 2022: modelo é atualizado e perde traseira polêmica apareceu primeiro em Carro Esporte Clube .

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Carros e Motos

Harley-Davidson vai lançar bicicleta elétrica de visual retrô

Publicados

em

Por


source
Bicicleta elétrica Harley-Davidson
Divulgação

Bicicleta elétrica Harley-Davidson será lançada no mês que vem, quando serão divulgados mais detalhes da novidade da marca americana


A americana Harley-Davidson tem tentado nos últimos anos diversificar os seus negócios para além das tradicionais motos da empresa equipadas com os motores V2. Além do modelo elétrico LiveWire, a marca irá revelar em novembro no mercado a sua primeira bicicleta elétrica.


A bike elétrica traz um visual retrô e foi inspirada na primeira moto criada em 1903 por William S. Harley e Arthur Davidson, os dois fundadores da fabricante Harley-Davidson . Chama a atenção o quadro em preto brilhante com farol e lanternas integrados, combinado com o assento marrom, os pneus de borracha branca e até transmissão por correia de borracha, mesmo sistema que é utilizado na moto elétrica LiveWire.

Apesar de levar estampada a marca “Harley-Davidson”, a bike que será comercializada a partir de março de 2021 por uma empresa chamada Serial 1 Cycle Company, cujo nome foi tirado justamente da moto mais antiga da marca baseada em Miwaukee (EUA).

Esse parentesco tão próximo é explicado pelo fato de a Serial 1 ser uma subsidiária da Harley-Davidson criada especificamente para produzir e vender bicicletas elétricas, sendo liderada inclusive por executivos com passagem pelo fabricante de motos, numa lista que inclui o presidente, Jason Huntsman, e o chefe de desenvolvimento de produto, Ben Lund.

Leia Também:  Fiat Tipo Cross: hatch ganha versão inspirada nos SUV e novo motor turbo

“A Serial 1 Cycle Company combina a capacidade de desenvolvimento de produtos e a liderança da Harley-Davidson entre os veículos de duas rodas de propulsão elétrica com a agilidade e inovação de uma startup criada especificamente para as bicicletas e seu público”, destaca a Serial 1 em nota divulgada no seu site.

Apesar de ter divulgado as primeiras imagens do novo modelo, a Harley-Davidson (ou a Serial 1, se preferir) guardou para o lançamento, no mês que vem, as informações técnicas da sua primeira bike, como a autonomia das baterias e a potência do motor. O preço também não foi divulgado.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo