Novo Cantu - Brasil

Homem mata mulher e filha de 11 anos e se mata por não aceitar fim da relação

Publicados

em

Homem mata mulher e filha de 11 anos e se mata por não aceitar fim da relação

 

Um homem de 39 anos matou a facadas sua companheira, de 32 anos, e sua filha, de 11 anos, na noite desta terça-feira em Ibirama (SC). Em seguida, de acordo com a Polícia Militar de Santa Catarina, ele cometeu suicídio.

                                          

Segundo as primeiras informações coletadas pela polícia, Vitor Paulo Deucher e Simone Feuser haviam se separado há duas semanas, mas o homem não aceitava o fim da relação.

                                          

O delegado Leonardo Marcondes Machado, da Comarca de Ibirama, informou que foi encontrado um aparelho celular na residência da família que continha um aplicativo de mensagens mostrando conversas entre Vitor e Simone sobre o término do relacionamento.

                                          

Machado disse que, embora o homem esteja morto, foi instaurado um inquérito para apurar as circunstâncias das mortes. A polícia ainda está ouvindo testemunhas. De acordo com depoimentos já feitos, há relatos de que Simone vinha sofrendo violência doméstica. As investigações continuam para que as hipóteses avaliadas sejam devidamente verificadas.

                                          

O caso, tratado como feminicídio seguido de suicídio, ocorreu por volta das 22h45 no corredor do prédio onde a família morava, na Rua Doutor Getúlio Vargas, no bairro Ponto Chic. Não havia registros de ocorrência contra o autor do crime.

                                          

O velório de Vitor, Simone e Amanda Deucher está marcado para às 12h desta quarta-feira no salão da Igreja Católica de Santa Rosa, em Presidente Getúlio, a 13 quilômetros de Ibirama. Já o sepultamento deverá ocorrer na quinta-feira, no Cemitério Católico. Ainda não há um horário definido.

 

Fonte: Goionews

Leia Também:  Número de latrocínios cresce 57,8% em sete anos no Brasil
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Novo Cantu - Brasil

TRF3 nega habeas corpus a Joesley e Wesley Batista

Publicados

em

Por

TRF3 nega habeas corpus a Joesley e Wesley Batista

 

O Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), em São Paulo, negou hoje (15) os pedidos de habeas corpus impetrados pelos advogados de defesa de Wesley Batista e Joesley Batista, do grupo J&F. O pedido de habeas corpus se refere à investigação dos irmãos no processo que apura se eles teriam usado informações privilegiadas para lucrar no mercado financeiro.

Hoje à tarde, a partir das 16h, ocorre a audiência de custódia de Joesley Batista, na Justiça Federal. O executivo, que estava preso na Superintendência da Polícia Federal em Brasília, chegou a São Paulo no fim da manhã de hoje.

A transferência foi feita por ordem do juiz João Batista Gonçalves, da 6ª Vara Federal de São Paulo, referente à Operação Tendão de Aquiles, que investiga a venda de ações de emissão da JBS S/A na Bolsa de Valores e à compra de contratos futuros e a termo de dólar no mercado financeiro. As transações foram feitas em abril e maio, antes da divulgação dos áudios de conversas de Joesley Batista com o presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves, que levaram a denúncias contra ambos.

Em nota, os advogados de Joesley e Wesley Batista disseram que vão recorrer da decisão no Superior Tribunal de Justiça (STJ) ainda hoje. “A própria decisão reconhece a ausência de fato novo apto a justificar a prisão. A inexistência de qualquer outro preso preventivo no Brasil pela acusação de insider trading revela uma excepcionalidade no mínimo curiosa”, argumenta a defesa.

 

Fonte: Congresso em Foco

Leia Também:  Desemprego cresce e atinge 12,6%; país tem 13,1 milhões de desempregados
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

Novo Cantu

MAIS LIDAS DA SEMANA