Cidades

Homem é Preso Após Tentativa de Feminicídio em Roncador Com Atropelamento e Agressão Física

Publicados

em

A Polícia Militar de Roncador recebeu ligação do Hospital Municipal nesta noite de sábado 31 de outubro, informando que teria dado entrada uma mulher que se encontrava bem machucada, pois teria sido agredida pelo marido, ao chegar no hospital foi possível visualizar a mesma de cadeira de rodas com diversos hematomas nos braços, com a barriga doendo e a cabeça com diversos inchaços “galos” por toda extensão do couro cabeludo e testa, além da boca toda cortada e sangrando, ela relatou a equipe policial que foi agredida depois do marido jogar o carro em cima dela na tentativa de matá-la, pois ela teria dado tchau a um amigo e isso desencadeou ciúmes nele, após atropelar a esposa, o marido desferiu diversos socos em sua cabeça não sendo possível mensurar em números, pois a vitima naquele momento estava com muita dor e confusa por conta do atropelamento, depois de espancá-la, o agressor colocou ela no banco do passageiro e levou até a casa de sua mãe, onde a família estava toda reunida, chegando lá , o marido informou em voz alta que não teria feito nada com a esposa, mas a família não acreditou, pois minutos após a entrega da esposa na casa dos pais a vitima veio a desmaiar por estar sentindo muita dor na cabeça.
O agressor se evadiu do local a pé e levou os seus filhos consigo, filhos que teve com outra mulher, mas que estava exercendo o direito de ficar com eles nesse fim de semana. diante das informações a equipe Policial Militar de Roncador acionou apoio de Nova Cantu e iniciou diligências na tentativa de localizar o agressor, ao chegarmos ao distrito de Alto São João, a equipe foi informada por populares que o mesmo estaria escondido com os filhos em uma casa abandonada, sendo assim a equipe policial se deslocou até o endereço e constatou que ele estava dormindo com seus filhos, de 11 e 08 anos de idade.
Diante do exposto, foi dado voz de prisão ao marido agressor e os filhos foram encaminhados ao Conselho Tutelar de Roncador para que fossem tomadas as medidas cabíveis, ele passou por auto de lesão no Hospital de Roncador para posteriormente ser entregue na delegacia de Polícia Civil de Iretama, procedimento este que é praxe da Polícia Militar do Estado do Paraná.

Leia Também:  Mãe confessa ter abandonado bebê com 5 dias de vida dentro de caixa de papelão no Paraná em Cidade Gaúcha

Fonte: Voce e Região

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Cidades

Durante roubo, vítima reage e assaltante atira em seu próprio órgão genital em Mariluz

Publicados

em

Por

Nesta segunda-feira, 23, por volta das 23h50min, a equipe RPA de Mariluz foi acionada no Pronto Socorro na cidade, onde um indivíduo havia dado entrada com ferimentos de arma de fogo. No local, a equipe identificou o indivíduo e constatou que o mesmo havia sido alvejado na região do pênis e testículos.
Durante o atendimento da ocorrência, a equipe teve conhecimento de um roubo efetuado por 5 indivíduos, sendo que 3 deles estavam armados com arma de fogo, porém uma vítima reagiu entrando em luta corporal com um dos elementos, o mesmo que acabou disparando um tiro contra o próprio órgão genital e se evadiu do local.
Diante das informações a equipe indagou, enquanto era medicado, que passou a confessar a prática do roubo, informando que entrou em luta corporal com uma das vítimas, e que iria efetuar um disparo na cabeça da mesma, porém a vítima era mais forte e o indivíduo acabou efetuando um disparo acidental no próprio órgão genital.
Relata ainda que estavam com 3 armas de fogo e informou quem foram os autores do roubo.
Indagado sobre os últimos roubos ocorridos no município de Mariluz e Região, o mesmo relatou com detalhes diversos roubos, alguns com os mesmos indivíduos já mencionados e outros na companhia de seu tio.
O relato dos roubos foi gravado pela equipe e está à disposição para investigação, e em tempo ainda, o adolescente relatou que reside em Cascavel, porém tem se homiziado em Mariluz, após os roubos citados, na residência da genitora de dois dos autores envolvidos, a qual contribui em homiziar todos integrantes dos roubos na ocasião em que aconteceram.
A genitora dos dois indivíduos também homizia, em sua residência, os materiais e origem de tais roubos, tal como os pneus, celulares e motosserra.
O adolescente foi transferido para o hospital em Umuarama, escoltado pela equipe policial que prestou apoio na situação, sendo feita a apreensão do aparelho celular do mesmo.

Leia Também:  Mãe confessa ter abandonado bebê com 5 dias de vida dentro de caixa de papelão no Paraná em Cidade Gaúcha

Fonte: Cidade Portal

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo