Novo Cantu - Brasil

Grave acidente entre ônibus escolar e carreta de Umuarama deixa três mortos e 29 feridos na Bahia

Publicados

em

Grave acidente entre ônibus escolar e carreta de Umuarama deixa três mortos e 29 feridos na Bahia

 

Uma batida entre um ônibus escolar e uma carreta de uma empresa de Umuarama deixou três mortos e 29 feridos na manhã deste domingo (25), no km 382 da BR-116, trecho de Santa Bárbara, cidade a cerca de 150 km de Salvador. As informações são da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

 

Segundo a polícia, o acidente ocorreu por volta das 10h50. O grupo que seguia no ônibus saiu do município de Euclides da Cunha, a cerca de 300 km de Salvador, e ia para um concurso de fanfarra em Antônio Cardoso, cidade vizinha a Feira de Santana.

Informações preliminares da PRF apontam que o motorista da carreta foi fazer uma ultrapassagem e bateu no ônibus. A cabine da carreta ficou destruída e o motorista morreu. As outras duas pessoas que morreram estavam no ônibus, que também ficou destruído. As vítimas chegaram a receber atendimento médico, mas não resistiram aos ferimentos.

Por meio de nota, a Sesab informou que dos 29 feridos, seis foram atendidos no hospital em Santa Bárbara, 19 foram encaminhados para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), em Feira de Santana e quatro para o Hospital Estadual da Criança (HEC), também em Feira. Não há detalhes do estado de saúde deles.

As equipes da polícia foram encaminhadas para o local e a rodovia está interditada. Além da PRF, bombeiros e agentes da polícia técnica estiveram no local do acidente.

Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura de Antônio Cardoso, o evento cultural de fanfarras e bandas foi cancelado.

 

Fonte: G1

Leia Também:  Desemprego cresce e atinge 12,6%; país tem 13,1 milhões de desempregados
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Novo Cantu - Brasil

TRF3 nega habeas corpus a Joesley e Wesley Batista

Publicados

em

Por

TRF3 nega habeas corpus a Joesley e Wesley Batista

 

O Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), em São Paulo, negou hoje (15) os pedidos de habeas corpus impetrados pelos advogados de defesa de Wesley Batista e Joesley Batista, do grupo J&F. O pedido de habeas corpus se refere à investigação dos irmãos no processo que apura se eles teriam usado informações privilegiadas para lucrar no mercado financeiro.

Hoje à tarde, a partir das 16h, ocorre a audiência de custódia de Joesley Batista, na Justiça Federal. O executivo, que estava preso na Superintendência da Polícia Federal em Brasília, chegou a São Paulo no fim da manhã de hoje.

A transferência foi feita por ordem do juiz João Batista Gonçalves, da 6ª Vara Federal de São Paulo, referente à Operação Tendão de Aquiles, que investiga a venda de ações de emissão da JBS S/A na Bolsa de Valores e à compra de contratos futuros e a termo de dólar no mercado financeiro. As transações foram feitas em abril e maio, antes da divulgação dos áudios de conversas de Joesley Batista com o presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves, que levaram a denúncias contra ambos.

Em nota, os advogados de Joesley e Wesley Batista disseram que vão recorrer da decisão no Superior Tribunal de Justiça (STJ) ainda hoje. “A própria decisão reconhece a ausência de fato novo apto a justificar a prisão. A inexistência de qualquer outro preso preventivo no Brasil pela acusação de insider trading revela uma excepcionalidade no mínimo curiosa”, argumenta a defesa.

 

Fonte: Congresso em Foco

Leia Também:  Governo autoriza envio de Forças Armadas para reforçar segurança em RN
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo