Agro Notícia

FRANGO/CEPEA: Com exportação firme e procura elevada também no BR, preço interno sobe

Publicados

em


.

Cepea, 22/5/2020 – Os embarques de carne de frango in natura tiveram ritmo elevado nas duas primeiras semanas de maio, conforme dados parciais da Secex, diminuindo a disponibilidade interna dos produtos, principalmente congelados. Com isso, os preços domésticos subiram. Nos 10 primeiros dias úteis de maio, o Brasil embarcou 202 mil toneladas de carne de frango, com média diária de 20,2 mil toneladas, aumento de 25,9% frente à de abril e ainda 24,5% acima do ritmo observado em maio/19. Segundo agentes do setor consultados pelo Cepea, a China tem sido a maior responsável pelo incremento dos embarques brasileiros, adquirindo também as principais carnes concorrentes, como suína e bovina. Além das exportações, as vendas domésticas de carne de frango também estiveram aquecidas no mercado doméstico nas últimas semanas. Neste caso, o impulso veio do aumento das compras de redes atacadistas e varejistas, que realizaram a reposição de estoques. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Governo antecipa liberação de recursos do Funcafé
Propaganda

Agro Notícia

Governo antecipa liberação de recursos do Funcafé

Publicados

em

Por


.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento está antecipando, de forma inédita, a liberação dos recursos do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé), como forma de apoio ao setor neste momento de crise provocada pela pandemia do novo Coronavírus. Normalmente, a liberação ocorreria na segunda quinzena de julho.

“O ministério buscou a liberação antecipada dos recursos em virtude da premente necessidade dos produtores para atender o custo de mão de obra e preparo do café no momento da colheita, sobretudo nesse ano que aumentou as exigências de proteção aos trabalhadores por conta da Covid-19”, diz o diretor de Comercialização e Abastecimento do Mapa, Sílvio Farnese,  

Farnese explica que a medida também permitirá o acesso à linha de crédito de comercialização, reduzindo a necessidade dos produtores de venderem a sua produção no momento da colheita, quando normalmente ocorre queda nos preços.

O primeiro contrato com os agentes financeiros para aplicação dos recursos do fundo em crédito aos produtores, cooperativas, industriais e exportadores deve ser assinado hoje. Na próxima semana, o recurso já estará disponível nos bancos aos interessados. 

Leia Também:  BOI/CEPEA: Média mensal da arroba é a terceira maior da série

Estão habilitados 31 bancos comerciais e bancos cooperativos para aplicação de R$ 5,7 bilhões distribuídos em: R$ 1,6 bilhão para custeio, R$ 3,45 bilhões para comercialização e R$ 650 milhões para capital de giro das indústrias. O volume de recurso para essa safra é 11,7% maior que o da safra passada.

Informações à imprensa
Inez De Podestà
[email protected]

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo