Estadual

Estado repassa R$ 1,5 milhão a municípios para combater a dengue

Publicados

em


.

Mesmo com o foco voltado para o combate ao coronavírus, o Governo do Paraná não se descuida da epidemia de dengue que assola o Estado há quase um ano. A Secretaria de Estado da Saúde confirmou o repasse de R$ 1,5 milhão para 62 municípios que estão com taxa de incidência da doença igual ou superior a 100 casos por 100 mil habitantes. Ou seja, cidades em situação de alerta ou em epidemia.

O aporte financeiro consta na resolução 768/2020, publicada no Diário Oficial do Estado na quarta-feira (03). “Costumo dizer que esse é o governo dos grandes desafios: dengue, coronavírus com impacto direto na economia e agora a crise hídrica. Temos nos dedicado ao enfrentamento à Covid-19, mas jamais podemos esquecer da dengue e de sempre lembrar as formas de prevenir a doença”, afirmou o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

Secretário de Estado da Saúde, Beto Preto explicou que o aporte deverá ser usado em atividades exclusivas à assistência do paciente com dengue. Ou, ainda, em benefício dos agentes de endemias ou comunitários de saúde que realizem atividades relacionadas ao agravo da doença, como compra de equipamentos de proteção individual (EPI), transporte, hospedagem e alimentação, entre outras ações.

“Nossa tendência é de queda no número de casos, mas não baixamos a guarda ainda, temos que avançar no que se refere à prevenção da dengue já pensando no próximo ano”, ressaltou o secretário. “Embora o número de registros positivos para a dengue seja alto, olhamos agora para os novos notificados e quantidade de situações em investigações para parâmetro do cenário”, acrescentou.

Leia Também:  Detran-Pr agiliza serviços para veículos movidos a GNV

CASOS – De acordo com o mais recente informe da dengue divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde na terça-feira (02), o Paraná tinha confirmado 199 mil casos da doença até 30 de maio. O número é referente ao período epidemiológico iniciado em 28 de julho de 2019.

A dengue alcançou 343 municípios do Paraná, sendo que 237 estão em situação de epidemia. Cerca de 60 mil casos ainda estão em investigação.

MUNICÍPIOS – Confira os municípios que serão beneficiados com recursos para o combate à dengue: Paranaguá, Foz do Jordão, Palmital, São João, Ampére, Barracão, Cruzeiro do Iguaçu, Marmeleiro, Nova Prata do Iguaçu, Pérola D’Oeste, Planalto, Pranchita, Santo Antônio Sudoeste, São Jorge D’Oeste, Matelândia, Ramilândia, Boa Vista da Aparecida, Catanduvas, Céu Azul, Espigão Alto do Iguaçu, Guaraniaçu, Ibema, Santa Lúcia, Vera Cruz do Oeste, Altamira do Paraná, Campina da Lagoa, Farol, Francisco Alves, Iporã, Mariluz, Tapira, Apucarana, Arapongas, Bom Sucesso, Borrazópolis, Califórnia, Jandaia do Sul, Kaloré, Marilândia do Sul, Mauá da Serra, Novo Itacolomi, Assaí, Jaguapitã, Sertanópolis, Tamarana, Congoinhas, Ribeirão do Pinhal, Santo Antônio do Paraíso, Cambará, Conselheiro Mairinck, Ibaiti, Jundiaí do Sul, Pinhalão, Ribeirão Claro, Salto do Itararé, Tomazina, Entre Rios do Oeste, Ortigueira, Ariranha do Ivaí, Cândido de Abreu, Cruzmaltina e Rosário do Ivaí.

Leia Também:  Lives comemoram 30 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente

BOX

Você pode ajudar a evitar proliferação do mosquito da dengue

As principais medidas de prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença são:

Manter bem tampado tonéis, caixas e barris de água;

Lavar semanalmente com água e sabão tanques utilizados para armazenar água;

Manter caixas d’água bem fechadas;

Remover galhos e folhas de calhas;

Não deixar água acumulada sobre a laje;

Encher pratinhos de vasos com areia ate a borda ou lavá-los uma vez por semana;

Trocar água dos vasos e plantas aquáticas uma vez por semana;

Colocar lixos em sacos plásticos em lixeiras fechadas;

Fechar bem os sacos de lixo e não deixar ao alcance de animais;

Manter garrafas de vidro e latinhas de boca para baixo;

Acondicionar pneus em locais cobertos;

Fazer sempre manutenção de piscinas;

Tampar ralos;

Colocar areia nos cacos de vidro de muros ou cimento;

Não deixar água acumulada em folhas secas e tampinhas de garrafas;

Vasos sanitários externos devem ser tampados e verificados semanalmente;

Limpar sempre a bandeja do ar condicionado;

Lonas para cobrir materiais de construção devem estar sempre bem esticadas para não acumular água;

Catar sacos plásticos e lixo do quintal.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Estadual

Paraná se aproxima de mil mortes pelo coronavírus

Publicados

em

Por


.

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste sábado (11) 1.265 novas confirmações e 38 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. O Paraná soma 40.329 casos e 999 mortos em decorrência da doença. Há ajustes nos casos confirmados detalhados ao final do texto.

INTERNADOS – 847 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados hoje. 691 pacientes estão em leitos SUS (262 em UTI e 429 em leitos clínicos/enfermaria) e 156 em leitos da rede particular (57 em UTI e 99 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 1.047 pacientes internados, 511 em leitos UTI e 536 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

ÓBITOS – A Sesa informa a morte de mais 38 pacientes, todos estavam internados. São 14 mulheres e 24 homens, com idades que variam de 35 a 89 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 25 de junho a 11 de julho. Os pacientes que faleceram residiam em Cascavel (2), Curitiba (18), Londrina (2) e houve o registro de óbito de uma pessoa em cada um dos seguintes municípios: Almirante Tamandaré, Califórnia,  Cambé,  Campo Largo,  Colombo,  Congonhinhas,  Engenheiro Beltrão,  Fazenda Rio Grande,  Itaperuçu,  Jacarezinho, Maringá, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Terra Boa, Tibagi e Toledo.

Leia Também:  Neste fim de semana o plantão da Agência Estadual de Notícias atende pelo telefone (41) 9 9998-7352.

O último informe indica que 378 cidades paranaenses têm ao menos um caso confirmado pela Covid-19. Em 185 municípios há óbitos pela doença.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento da Sesa registra 468 casos de residentes de fora. 17 pessoas foram a óbito.

AJUSTES – Alteração de município: Um caso confirmado na data de 9/7 em Cidade Gaúcha foi transferido para Cianorte. Um caso confirmado na data de 9/7 em São João do Triunfo foi transferido para São Mateus do Sul. Um caso confirmado na data de 22/6 em Curitiba foi transferido para Almirante Tamandaré. Um caso confirmado na data de 1/7 em Adrianópolis foi transferido para Cerro Azul.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo