Política Nacional

Doria é condenado por slogan “acelera SP”, usado enquanto era prefeito

Publicados

em


source
João Doria
Governo do Estado de São Paulo

João Doria, governador do estado de São Paulo, é condenado por slogan usado durante tempo em que ocupou cargo de prefeito

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) condenou o atual governador do estado, João Doria (PSDB) pelo uso do slogan “Acelera SP” enquanto prefeito da capital paulista. De acordo com a relatora do caso, a desembargadora Vera Angrisani, o slogam fere os princípios daa impessoalidade da moralidade ao repetir a campanha eleitoral.

A decisão foi tomada pela juíza Cynthia Thomé, da 6ª Vara da Fazendo Pública, com multa aplicada de R$ 600 mil. O valor considera o salário que Doria recebia quando prefeito e equivale a 25 vezes o valor.

Durante a gestão da cidade, Doria utilizava o slogan em seus discursos e redes sociais. A atitude, reforça a relatora, é vedada pela constituição . Apesar do entendimento do TJ, a defesa do atual governador argumenta que nenhum prejuízo aos cofres públicos ocorreu, já que o slogan não era utilizado em publicidade oficial

Leia Também:  MP destina R$ 10 bilhões ao BNDES para crédito a microempresários

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política Nacional

Bolsonaro deixa hospital e segue para Brasília depois de operação

Publicados

em

Por


source
Bolsonaro
Reprodução Instagram/Michelle Bolsonaro

Bolsonaro teve alta neste sábado (26)

O presidente Jair Bolsonaro saiu do Hospital Israelita Albert Einstein por volta das 13h30 deste sábado (26). A alta foi dada após a realização de  cirurgia para retirada de cálculo na bexiga, que ocorreu na sexta (25).


Na manhã deste sábado (26), o presidente já estava bem e a  sonda colocada na operação já havia sido retirada.

A alta foi confirmada pela assessoria do presidente. Bolsonaro já está a caminho de Brasília, indo para o aeroporto de Congonhas, em São Paulo. 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Política econômica do governo prejudica os mais pobres, afirma Paim
Continue lendo