Cidades

Criminosos violam túmulo e ateiam fogo a caixão de homem recém sepultado

Publicados

em

O túmulo de um homem que havia sido sepultado no fim de semana no cemitério municipal de Juranda foi violado na madrugada desta quarta-feira (12) e o caixão de madeira incendiado.
A ação criminosa teve como alvo o túmulo de Michel Lopes de Oliveira, 30, mais conhecido como “Paraíba”, morto a facadas no sábado (8), em Umuarama.
De acordo com informações, o autor do crime utilizou gasolina para atear fogo ao caixão. As chamas chegaram a atingir o corpo de Oliveira. O fato foi constado somente por volta das 8 horas desta quarta, por duas senhoras que faziam a limpeza de túmulos de parentes e perceberam fumaça em uma das sepulturas.
Ao verificar o que estava acontecendo, elas se depararam com a situação. Em seguida comunicaram servidores da prefeitura que foram ao local e acionaram familiares de Oliveira.
Segundo informações, a ação criminosa teria ocorrido por volta das 3 horas da madrugada.
A Polícia Civil de Ubiratã foi acionada e vai instaurar um inquérito para investigar o caso. Se o autor for identificado ele poder ser preso por violação de cadáver, a pena para este tipo de crime é de 1 a 3 anos de prisão além de pagamento de multa.
Michel de Oliveira foi morto com pelo menos 20 facadas no sábado (8), em Umuarama.
Oliveira teria discutido com algumas pessoas que prestaram serviços a ele e que também são moradores de Juranda. Os envolvidos não teriam chegado a um acordo sobre o pagamento dos serviços prestados pelos funcionários em obras realizadas no ferro-velho da vítima e
também na casa de um familiar seu.
Segundo informações, a vítima tinha um restaurante em Juranda, mas tinha mudado para Umuarama, onde montou o ferro-velho. Os suspeitos do crime tinham prestado serviços na construção de uma piscina e também na empresa de Oliveira, porém, os mesmos não teriam recebido pelos serviços. No momento em que dois funcionários foram até o empresário para fazer a cobrança houve a discussão e Michel acabou ferido com golpes de faca. A vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos. Os dois suspeitos fugiram com um veículo de Michel, mas acabaram detidos em uma residência em Umuarama.

Leia Também:  Saúde Realizou a Coleta de 3 Novos Exames

Fonte: Tribuna do Interior

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Cidades

Comcam vai a 107 óbitos por Covid-19, 38 em Campo Mourão

Publicados

em

Por

Campo Mourão registrou na noite dessa sexta-feira (26) a 38ª morte pelo novo coronavírus (Covid-19). Trata-se de uma mulher de 59 anos.
Ela estava internada na Santa Casa desde o dia 20 deste mês. O total de óbitos pela doença chegou a 107 na Comcam desde o início da pandemia.
Até ontem, Campo Mourão tinha 1.330 casos confirmados, dos quais 1.138 se encontram curados. Suspeitos somam 54 e 210 pessoas estão sendo monitoradas pela Saúde. A taxa de ocupação da UTI-Covid é de 40% enquanto da enfermaria covid 8%.
De acordo com os boletins informativos divulgados pelas prefeituras, a região soma 3.828 confirmações de coronavírus. Cerca de 80% dos infectados se encontram curados da doença. Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde do Paraná (Sesa), nessa sexta-feira, apontam a 11ª Regional de Saúde de Campo Mourão como a 15ª do Estado com maior número de casos de coronavírus (Covid-19).
Com 3.809 confirmações da doença, o coeficiente de incidência na regional é de 882 casos por 100 mil habitantes. A 9ª Regional de Saúde de Foz do Iguaçu tem o maior coeficiente do Paraná: 2.240 casos por 100 mil pessoas. A média estadual é de 1.471 casos por 100 mil habitantes. O Estado tem 22 regionais de Saúde.
Desde o início da pandemia, 22 dos 25 municípios da Comcam registraram mortes por coronavírus: Campo Mourão (38); Goioerê (13); Araruna (7); Terra Boa (7); Janiópolis (6); Peabiru (5); Quinta do Sol (5); Barbosa Ferraz (4); Iretama (4); Moreira Sales (3); Campina da Lagoa (2); Roncador (2); Mamborê (2); Altamira do Paraná (1); Corumbataí do Sul (1); Engenheiro Beltrão (1); Farol (1); Juranda (1); Luiziana (1); Nova Cantu (1); Quarto Centenário (1) e Ubiratã (1).

Leia Também:  Mais 18 Casos Confirmados de COVID-19 em Ubiratã Nesta Quinta-feira

Fonte: Tribuna do Interior

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo