Agro Notícia

CITROS/CEPEA: Menor ritmo de colheita e baixa oferta de laranjas com qualidade sustentam cotações

Publicados

em


Cepea, 20/11/2020 – No mercado paulista de laranja in natura, as vendas estão bastante calmas nesta semana, tanto devido às chuvas e temperaturas mais baixas quanto ao feriado em algumas cidades nesta sexta-feira, 20 (Dia da Consciência Negra). Entretanto, segundo colaboradores do Cepea, embora a procura tenha se enfraquecido, a colheita limitada pelas chuvas e a baixa oferta de frutas com qualidade evitaram quedas nos preços. Na parcial desta semana (segunda a quinta-feira), o preço da laranja pera teve média de R$ 43,81/caixa de 40,8 kg, na árvore, alta de 0,9% em relação ao da semana passada. As variedades tardias também estão com valores firmes, devido à menor disponibilidade nesta safra. A folha murcha, recentemente comercializada em maior intensidade, registrou média de R$ 35,24/cx de 40,8 kg, na árvore, variação positiva de 3,5% frente ao período passado. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

 

Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MILHO/CEPEA: Clima favorável anima parte dos produtores
Propaganda

Agro Notícia

TRIGO/CEPEA: Média do RS volta a superar a do PR

Publicados

em

Por


Cepea, 24/11/2020 – Com a colheita da safra de trigo de 2020 praticamente finalizada no Paraná e no Rio Grande do Sul, produtores voltam suas as atenções à comercialização do cereal. Na parcial deste mês (até o dia 23), o preço médio do trigo no mercado disponível (negociações entre empresas) do Paraná está em R$ 1.421,41/tonelada, avanço de 10,76% frente ao de outubro. No Rio Grande do Sul, a média está em R$ 1.438,33/t, alta de 18,2% em relação ao mês anterior, voltando, portanto, a ficar acima da média registrada no estado paranaense. Esse cenário é atípico, tendo em vista que, historicamente, os preços no Paraná superam os do Rio Grande do Sul. Levando-se em consideração a série histórica do Cepea iniciada em 2004, foram poucas as vezes em que o preço do Rio Grande do Sul superou o do Paraná (sendo entre setembro e outubro de 2004; em setembro de 2015; em setembro e outubro de 2017 e em agosto e setembro de 2020). Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Leia Também:  SOJA/CEPEA: Chuvas mais volumosas auxiliam na recuperação das lavouras
Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo