Carros e Motos

Antes de vir ao Brasil, Ford Territory ganha novo visual e versão híbrida

Publicados

em


source
Ford Territory
Divulgação

Ford Territory renovado traz grade diferente e novas luzes de LED na dianteira

Exibido pela primeira vez no Brasil em 2018, no Salão do Automóvel, o Ford Territory, desenvolvido e produzido na China, acaba de receber sua reestilização de meia vida no mercado asiático. O SUV está com aspecto renovado, ganha novas motorizações e ainda ganhou o sobrenome “S” para o diferenciar do modelo antigo. Por fora, a Ford acrescentou itens como faróis de máscara negra, iluminação total por lâmpadas de LED e a grade frontal ganhou filetes retangulares. Os acabamentos da peça, anteriormente cromados, agora são pintados de preto brilhante. As lanternas traseiras, de LED, tiveram o desenho interno refeito.

LEIA MAIS: Ford EcoSport FreeStyle: primeiro SUV compacto muda pouco na linha 2020

Por dentro, o novo Ford Territory agora traz um acabamento que une couro preto e detalhes de madeira. A central multimídia também foi renovada. Porém, o Ford Territory S não conta com o SYNC 3, uma das versões mais recentes do software utilizado pela tela de entretenimento dos carros mais caros da marca. Sob o capô, agora conta com um sistema híbrido-leve, que vem aliado de um conjunto de baterias de 48V.

Leia Também:  Harley-Davidson Heritage Classic agora tem motor 114

LEIA MAIS: Ford Edge ST: SUV envenenado tem motor V6 de 335 cv. Veja vídeo e mais detalhes

Elas alimentam o pequeno motor elétrico que substitui o alternador, auxiliando, ainda, nas arrancadas e no uso do start/stop. As novas baterias também alimentam os componentes elétricos com o carro parado, mas com o motor desligado. O motor a combustão, em si, segue o 1.5 turbo, de quatro cilindros, projetado pela Mitsubishi (que utiliza o componente também no Eclipse Cross). Ele gera 140 cv e 22,9 kgfm, enviados às rodas dianteiras por um câmbio CVT.

LEIA MAIS: VW T-Cross 1.0 enfrenta Citroën C4 Cactus 1.6 THP. Qual vence?

Um lado ruim do Ford Territory ainda não ter vindo foi que o modelo não pôde ajudar a Ford a se segurar mais nas vendas pelo último um ano e meio, mas o lado bom é que nenhum consumidor brasileiro deu o azar de comprar o modelo antigo. Antes do coronavírus, a Ford tinha planos de lançá-lo ainda neste semestre, mas deverá ser postergado por mais seis meses no mínimo. Uma vez no Brasil atuará acima do EcoSport e rivalizando diretamente com as versões mais em conta do Jeep Compass.

Leia Também:  VW registra nome e-Samba, que pode ser para nova Kombi
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Carros e Motos

Nova Honda CBR 400RR 2021 é revelada em imagem vazada

Publicados

em

Por


source
Honda
Divulgação

Honda CBR 400RR no vazamento de imagem no Japão. Trata-se da primeira revelação da moto, ainda não oficial

Como sabemos, o segmento das esportivas de baixa cilindrada conta com um público cativo, que busca aliar prazer ao dirigir com o bom custo-benefício. No caso da Honda, entretanto, o seu modelo mais em conta dessa categoria no Brasil é a CBR 650R (R$ 41.080), que já seria uma intermediária.

LEIA MAIS: Honda CBR 600RR de nova geração tem imagem que adianta detalhes

Diante disso, um banner da nova Honda CBR 400RR vazou no Japão, revelando não só mais detalhes sobre o modelo em si, com suas novidades, como também a suposta data de lançamento, que será no dia 8 de agosto, segundo o documento.

Kawasaki
Divulgação

A Kawasaki Ninja 400 é, hoje, o modelo que domina na categoria no Brasil

A Honda CBR 400RR foi apresentada pela primeira vez em 1983. Tinha um estilo esportivo e foi chamado de “Babyblade”, devido à sua semelhança com o CBR900RR. O 400RR mais antigo tinha um motor de quatro cilindros e atingia uma velocidade máxima de 195 km/h. Na novidade revelada, por sua vez, parece ser baseada na CBR 250RR, de custo mais reduzido, para aumentar a competitividade ante a rival Kawasaki Ninja 400 (R$ 25.490).

Leia Também:  Nissan Frontier Attack estreia novas opções de cores

LEIA MAIS: Kawasaki ZX-25R, que pode vir ao Brasil, está prestes a ser apresentada

Kawasaki
Divulgação

Motor de quatro cilindros em linha já equipa a CB 400 Super Four

A julgar pelas fotos, o design da esportiva carenada difere muito da geração antiga. Ele segue os elementos de design da 250RR. As fotos também sugerem uma configuração de freios com disco duplo e pinças Nissin, além de garfo invertido ajustável e iluminação total de LED.

LEIA MAIS: Yamaha desenvolve motores turbinados para esportivas, diz site

Espera-se que a Honda CBR 400RR venha com uma potência na casa dos 60 cv, utilizando-se do mesmo motor de quatro cilindros Hyper Vtec Revo de 399 cc da CB 400 Super Four, para ficar bem enquadrada na categoria e conseguir superar as rivais. Além disso, deverá vir com controle de tração, sistema quickshifter nas trocas de marcha, ABS, bem como modos de pilotagem.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo