Carros e Motos

VEMP, o 4×4 militar da VW brasileira

Publicados

em

source

Motor Show

VEMP arrow-options
Divulgação

VW VEMP: Veículo militar que quase compôs a frota do exército brasileiro

Começando pelo Type 82 Kubelwagen usado pelas tropas alemãs na Segunda Guerra Mundial, passando pelo VW Type 181/Safari e o mais recente Type 183 Iltis, a presença de utilitários da Volkswagen nos exércitos europeus é tão antiga quanto a própria marca. E no Brasil, quase tivemos um VW militar exclusivo. Conheça a história do VEMP.

LEIA MAIS: Volkswagen BY: avô do Up! era o anti-Uno na década de 80

Sigla para ” Veículo Militar Protótipo”, o utilitário VEMP surgiu nos anos 1970 para atender a uma licitação do Exército Brasileiro para um “veículo todo terreno”, com tração 4×4 e capacidade para puxar até 500 kg de carga. O objetivo era buscar um substituto para os Jeep Willys militarizados, que por aqui recebiam a designação M-520.

Conjunto mecânico

VEMP arrow-options
Evandro Enoshita/ Motor Show

Interior é simples, projeto é robusto e a mecânica une os dois atributos

No lugar de criar uma versão local do então Type 181 usado pelas forças armadas da então Alemanha Ocidental, a filial brasileira partiu para um projeto local. Usando a construção de carroceria sobre chassi, o VEMP trazia tração traseira, com caixas de redução nas rodas, e rodas dianteiras motrizes acionadas por uma alavanca. Já a suspensão dianteira era composta por barras de torção longitudinais presas diretamente ao chassi. O motor era o mesmo 1.6 a ar usado na época em outros produtos da empresa.

Leia Também:  Nissan e-Power: sistema híbrido diferente que logo chegará ao Kicks brasileiro

LEIA MAIS: VW Apollo GLS e Ford Verona GLX eram faces da mesma moeda

No final das contas, os militares brasileiros abandonaram o projeto de substituir os Willys, que foram modernizados e ficaram em serviço por mais alguns anos. Foram montados apenas dois protótipos do VEMP e o carro das fotos é o único sobrevivente. Depois do cancelamento do projeto, o exemplar acabou sendo descaracterizado e era usado para o transporte de peças dentro da fábrica da VW em São Bernardo do Campo (SP).

Salvo de virar sucata, o protótipo hoje integra o acervo mantido pela montadora alemã (leia mais aqui) . Mas o processo de restauração foi trabalhoso. Com poucas informações sobre o VEMP disponíveis, o trabalho de recuperação foi feito tendo como base as fotografias de época.

LEIA MAIS: Troller TX4 chega com câmbio automático

Atualmente, as únicas concessões feitas no trabalho de recuperação foram a adoção de bancos dianteiros do Fox e da instalação de uma mecânica 1.6 a ar moderna, a mesma que era usada nas últimas Kombi refrigeradas a ar. O VEMP é mais uma das estrelas não reveladas do universo automotivo.

Leia Também:  VW mostra versão final da dupla Polo e Virtus GTS antes da estreia
Fonte: IG CARROS
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Carros e Motos

Nissan Frontier 2020 chega às lojas com novas cores e acessórios

Publicados

em

source
Nissan Frontier arrow-options
Divulgação

Nissan Frontier ganha mais opções de acessórios para modernizar e ajudar na praticidade

A Nissan Frontier chega a 2020 com novidades no visual. As versões S, Attack e XE ganham rodas com novos desenhos. A topo de linha LE passa a contar com protetor de caçamba, moldura lateral e adesivos 4×4 na parte traseira. Outra novidade da versão mais completa são os frisos laterais das portas. Como se não bastasse, ganha, de série, o sistema para pagamento automático por adesivo Sem Parar. Os preços começam em R$ 140.900, na versão S com câmbio manual, e vão até R$ 197.990 na opção de topo.

LEIA MAIS: Avaliação: Para o trabalho, Nissan Frontier S não sacrifica o motorista

Para os clientes da Nissan Frontier 2020, existem duas opções de planos para o Sem Parar: ‘Cidade’ (mensais de R$ 13,41 a partir do 13º mês para pagamentos de estacionamentos, lava-rápidos, drive thru e abastecimentos ou R$ 14,90 se incluir pedágios) e ‘Todo Lugar’ (R$ 25,11 a partir do quinto mês para todos os serviços, somente o débito para abastecimento não estará disponível).

Leia Também:  Nissan e-Power: sistema híbrido diferente que logo chegará ao Kicks brasileiro

LEIA MAIS: Nissan Frontier 2019: o impactante retorno da versão Attack 4×4

Vale lembrar que, recentemente, a Frontier recebeu uma lista de acessórios para incrementar principalmente as versões mais básicas. Entre eles, um novo rádio (R$ 418) e uma central multimídia de 6,8 polegadas (R$ 2.090). O primeiro é 1 DIN, com conexão Bluetooth, microfone interno, entradas USB e auxiliar, e rádio AM/FM. Enquanto o segundo é 2 DIN, com Android Auto e Apple CarPlay, Google Maps e Waze instalados e tocador de CD/DVD. Além disso, oferece, por R$ 221, o sistema tilt-down para os retrovisores elétricos.

Versões, dados e acessórios

Nissan Frontier arrow-options
Divulgação

Apesar dos itens adicionais, segue a mesma picape de 2019, rival de Hilux, L200, Ranger e S10

A picape japonesa é vendida em quatro versões. São elas a S 4×4, Attack 4×4, XE 4×4 e LE 4×4. Em sua configuração mais completa, vem com Visão 360º, teto solar, e itens como o sistema multimídia A-IVI. Este conta com oito polegadas e conectividade Android Auto e Apple Carplay. Além disso, traz sistema Isofix e seis airbags, com opções de câmbio manual e automático.

Leia Também:  Nova geração do Nissan Sentra é revelada nos Estados Unidos

LEIA MAIS: Nissan Frontier leva quatro estrelas em teste de colisão

O motor diesel 2.3 equipa todas as versões, mas pode ter um ou dois turbocompressores, que elevam a potência de 160 cv e 41 kgfm na versão S aos 190 cv e 45,9 kgfm nas demais. Segundo o Inmetro, o utilitário tem consumo de 9,3 km/l (cidade) e 10,2 km/l (rodovias) para o motor de 160 cv e 8,9 km/l e 10,1 km/l com 190 cv.

Entre outras especificações da picape diesel , tem 1005 kg de capacidade de carga, 750 kg de reboque sem freio, 2965 kg de reboque com freio, 1054 litros de espaço na caçamba e 230 mm de vão livre em relação ao solo para o motor mais fraco, além de 1.040 kg de capacidade de carga, 750 kg de reboque sem freio, 2885 kg de reboque com freio, 1.054 litros de espaço na caçamba e 230 mm de vão livre em relação ao solo para a Nissan Frontier com o motor mais forte.

Fonte: IG CARROS
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo