Tecnologia

Urnas eletrônicas apresentam falhas de segurança

Publicados

em

source

Olhar Digital

urna eletrônica arrow-options
Nelson Junior/ASICS/TSE/Dedoc

Testes mostram falha de segurança em urnas eletrônicas


De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral ( TSE ), investigadores responsáveis pela realização de testes de segurança no sistema eletrônico de votação , encontraram duas vulnerabilidades de sistema em urnas eletrônicas.

Realizado periodicamente com o objetivo de encontrar problemas de segurança , o teste permite que as falhas sejam corrigidas antes do período de votação. Ainda de acordo com o TSE, os problemas apontados não oferecem ameaça à segurança da votação.

Por enquanto, o registro das vulnerabilidades foi encaminhado para um time de técnicos da Justiça Eleitoral para que elas sejam corrigidas. Após esse procedimento, as urnas serão submetidas a uma nova rodada de testes.

Leia também: Biometria: TSE permite que eleitores registrem suas digitais por aplicativo

Giuseppe Janino, secretário de tecnologia da informação do TSE, declarou: “Houve achados importantes. Vamos trabalhar no fortalecimento dessas barreiras e vamos chamá-los novamente para testar a eficácia. O sistema vai para a eleição muito mais fortalecido”.

Leia Também:  Facebook lança novo aplicativo para fazer memes

Como são os testes?

Neste ano, cinco grupos e três investigadores individuais participaram do  Teste Público de Segurança das urnas eletrônicas , criado para aprimorar o processo eletrônico de votação. Nele, todos apresentaram um plano de ataque ao sistema de votação.

Para que os testes sejam realizados, eles têm acesso facilitado ao sistema dos equipamentos. As barreiras normalmente presentes durante as eleições são removidas completamente para que todas as hipóteses sejam avaliadas.

Leia também: Mais de 85% das eleições no mundo são influenciadas pela internet, diz pesquisa

No primeiro teste, apenas o grupo formado por peritos da Polícia Federal obteve sucesso em vencer o sistema e apontar as falhas presentes. Eles conseguiram vencer barreiras de segurança responsáveis por garantir o armazenamento de informações como o nome dos candidatos e a lista de eleitores.

Após as correções serem realizadas, a segunda parte dos testes, que novamente coloca em xeque a segurança das urnas , será realizado no dia 10 de dezembro.

Em anos anteriores, falhas também foram encontradas e posteriormente corrigidas. Essa é apenas uma das etapas de preparação para as eleições, que serão realizadas em 2020 para eleger prefeitos e vereadores de cidades de todo o Brasil.

Leia Também:  Facebook cria nova logo para unificar os produtos da empresa
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Tecnologia

Spotify libera retrospectiva de 2019; como saber quais músicas você mais ouviu

Publicados

em

source
spotify arrow-options
shutterstock

Spotify libera retrospectiva de 2019


Como em todo final de ano, o  Spotify liberou nesta quinta-feira (05) a retrospectiva do ano de cada um dos usuários do serviço de streaming . E, como 2019 fecha um década, a plataforma também mostrou as lembranças das músicas ouvidas nos últimos dez anos – ou desde quando você começou a usar o serviço. 

Bastante completa, a retrospectiva começa mostrando qual artista mais foi escutado pelo usuário em 2019. Em seguida, o Spotify mostra o top 5 de artistas mais escutados durante o ano. Todas as informações podem ser compartilhadas diretamente no  Instagram Stories.

Leia também: Retrospectiva do Spotify: veja as músicas e artistas mais ouvidos da década

A retrospectiva também mostra a diversidade de países aos quais pertencem os artistas que você escutou, além de mostrar um gráfico com os gêneros musicais mais ouvidos. Também dá para saber quantas horas do ano você passou ouvindo música, em um comparativo com os anos anteriores. 

Neste ano, o Spotify também liberou estatísticas sobre podcasts, mostrando os mais ouvidos por cada pessoa, assim como os assuntos de maior interesse. 

Leia Também:  Qualcomm anuncia chegada do Snapdragon 865, chipset 20% mais potente que o atual

Leia também: Aqui está tudo o que você precisa saber sobre criar uma playlist no Spotify

Ao fim da retrospectiva, o serviço de streaming libera uma playlist com as 100 músicas mais tocadas no seu ano, entregando uma boa oportunidade para relembrar dos momentos vividos. Para ver a sua retrospectiva personalizada, siga os seguintes passos:

Como ver a retrospectiva do Spotify no aplicativo

  1. Abra o aplicativo do Spotify;
  2. Vá em Início;
  3. Clique no quadro rosa na parte superior, onde está escrito “Veja como foi seu ano de música no Spotify”. 

Como ver a retrospectiva do Spotify no computador

  1. Acesse o site  spotify.com/br/wrapped ;
  2. Clique em “Bora lá”;
  3. Faça login com sua conta do Spotify.

Pronto, agora você consegue ver os gêneros, artistas, músicas e podcasts mais ouvidos no seu ano. 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo