Estadual

Saúde confirma mais 27 casos e Paraná chega agora a  97

Publicados

em

.

A Secretaria de Estado da Saúde confirmou mais 27 casos de coronavírus no Paraná nesta quarta-feira (25). São 14 homens e 13 mulheres com idades entre 20 e 77 anos, de Curitiba (19), Pinhais (1), Foz do Iguaçu (1), Maringá (1), Ponta Grossa (2), Faxinal (1), Campo Mourão (1) e São Paulo (1), fora do Estado.

O panorama da doença no Paraná é de 97 casos confirmados, 483 descartados e 3.588 em investigação. Nas últimas 24 horas, a Secretaria da Saúde descartou 286 casos manualmente devido à instabilidade constante do sistema do Ministério da Saúde.

Históricos de viagens e demais informações sobre casos confirmados podem ser verificadas junto às secretarias municipais de saúde. Até o momento, o Paraná não tem nenhum caso registrado de transmissão comunitária.

DADOS – Todas as notificações pelos serviços de saúde de síndromes respiratórias constam no boletim como casos em investigação. A medida cumpre a Portaria nº 454/2020, do Ministério da Saúde, que estabelece novos critérios e procedimentos.

Diariamente, os serviços de saúde dos 399 municípios do Paraná notificam os atendimentos de síndromes respiratórias via sistema, o que explica o aumento diário significativo nos números em investigação. Porém, nem toda notificação quer dizer que o caso seja considerado como suspeito.

Leia Também:  Procon-PR notifica comércio por preços de álcool em gel e máscaras

A Portaria do Ministério da Saúde exige a notificação imediata. Após isto, o serviço de saúde municipal, através da análise clínica, define se aquele paciente é um suspeito em potencial e verifica a necessidade, ou não, da coleta de amostra para a realização de testes. Ou seja, o número de casos em investigação não significa que todos são considerados suspeito.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Estadual

Paraná desenvolve EaD para atender estudantes da rede estadual

Publicados

em

.

O Governo do Estado está estruturando um sistema de Educação a Distância (EaD) para atender os estudantes da rede estadual enquanto perdurar a pandemia do coronavírus. A iniciativa teve ampla aceitação do Conselho Estadual de Educação (CEE), que aprovou a medida por 17 votos a favor e apenas um contrário.

A Secretaria de Estado da Educação e do Esporte está desenvolvendo a plataforma, que deverá ser apresentada na próxima semana. Assim, os cerca de 1 milhão de alunos da rede não terão seu processo de ensino e aprendizagem prejudicado devido ao momento delicado pelo qual o país passa.

Segundo a secretaria, o Estado está adotando dados técnicos e científicos em relação à propagação do novo coronavírus e os colégios só serão reabertos quando a situação for considerada segura pelas autoridades sanitárias.

PROTAGONISMO – Em webconferência realizada nesta quinta-feira (2), o secretário Renato Feder destacou que o professor será o protagonista nesse novo processo que está em elaboração. A ideia é gravar as videoaulas exclusivamente com docentes da rede estadual.

A solução em desenvolvimento vai permitir que haja interação entre estudantes e docentes. O professor terá liberdade para enviar materiais de estudo e links que ajudem a complementar o conteúdo e também poderão definir atividades extras a serem realizadas pelos alunos.

Leia Também:  Alunos do sistema prisional são aprovados no vestibular da UEL

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo