Pet

Gato fofo com olhos esbugalhados ganha fãs no Instagram e vira celebridade

Publicados

em

source

Os olhos de um gato fofo conquistaram as redes sociais. Potato possui os órgãos tão grandes e esbugalhados que parecem até de mentira, chamando a atenção de muitas pessoas. Isso fez com que sua dona Ashley Norlien criasse uma conta no Instagram para o pet.

Leia também: Tutora percebe que seu cão tem muitas bolinhas de forma hilária

Gato Potato e seus olhos esbugalhados arrow-options
Instagram/ therealcatato

Gato Potato e seus olhos esbugalhados


Potato tem cinco anos, mas foi adotado por Ashley apenas dois anos atrás. A norte-americana diz que não se sabe o motivo dos olhos de Potato serem daquele jeito, que mesmo levando em veterinários, eles não sabem dizer se é um problema genético ou se o animal é só daquele jeito mesmo. Mas isso só faz com que ela o ame mais ainda.

Ver essa foto no Instagram

He’s such a good boy! That’s my dog! ? #goodboy #gooddog #potatodog #dog

Uma publicação compartilhada por Potato The Cat (@therealcatato) em 8 de Fev, 2018 às 5:07 PST


Leia também: Gato esperto deixa animais de abrigo escaparem e é colocado em “solitária”

O gato tem mais de 30 mil seguidores no Instagram, e faz bastante sucesso em outras redes sociais também. Aparentemente os olhos enormes de Potato não causam dor nem desconforto nenhum para ele, mas com certeza deixam todos que encontram suas fotos pela internet morrendo de amores. 



Fonte: IG PET
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Golden retriever usa plaquinha da vergonha por fingir que passa fome
Propaganda

Pet

5 cuidados que não podem faltar com o hamster de estimação

Publicados

em

source

A escolha por ter uma hamster como animal de estimação é muitas vezes feita pela crença de que o roedor não necessita de tantos cuidados como um cachorro ou um gato, por exemplo. Isso pode até ser verdade, mas não significa que o animal não precisa de uma atenção especial do dono. 

hamster fofo arrow-options
Shuttersock

O hamster também precisa de cuidados especiais

Leia também: Hamsters não podem viver juntos na mesma gaiola; entenda 

A veterinária Jakeline Mastria, especialista em animais silvestres do Grupo Vet Popular, fala sobre os principais pontos que os donos devem ter atenção para manter a saúde do hamster e garantir que ele tenha uma boa vida.

Cuidados com a gaiola

O primeiro deles está relacionado com a gaiola. O tamanho deve ser suficiente para que o hamster possa ter uma área de esconderijo e uma de lazer. Já a limpeza precisa ser feita constantemente para evitar proliferação de fungos, bactérias e até que o pet fique doente.

“A água e alimentação devem ser trocadas diariamente, a troca completa do substrato deve ser feita semanalmente ou quando apresentar necessidade, que possa ser devido ao espaço, ou ao número de animais que habitam ali”, indica Jakeline. 

hamster correndo na rodinha arrow-options
Shuttersock

Além de estar limpa, a gaiola deve oferecer espaço para o hamster se esconder e se exercitar


Higiene do animal

Apesar de serem conhecidos como animais bastante higiênicos que gostam de se limpar, os hamster precisam tomar banho. Mas a veterinária alerta que esse banho deve ser a seco e não com água e sabão. 

Leia Também:  As raças de cachorro mais afetadas pelo calor e como diminuir os impactos

“Os banhos não devem ser frequentes, apenas a cada 2 ou 3 meses. Essa higienização é feita através de lenços umedecidos ou até mesmo como um shampoo em pó especial para roedores, que é uma opção excelente para dar banho no hamster”, explica a especialista em roedores. 

Alimentação

A alimentação é outro ponto muito importante, já que se administrada de forma inadequada pode causar problemas com desenvolvimento e acarretar alterações endócrinas, metabólicas, ósseas é até tumorais. 

Leia também: Alimentos proibidos para hamsters: alguns podem causar até câncer

“A quantidade e o que deve ser oferecido varia bastante de acordo com o estágio de vida, a espécie e o comportamento do hamster. O veterinário do animal é a melhor pessoa para instruir o tutor de como montar o cardápio e seguir com a dieta.”

Interação

hamster na mão de uma criança arrow-options
Shuttersock

Deve existir uma interação entre o hamster e sua família

O hamster é um animal com hábitos noturnos e que passa a maior parte do tempo dentro da gaiola, mesmo assim o dono deve interagir e criar vínculos com ele. Para iniciar o contato é preciso tomar cuidado ao pegar o pet: “evite cheiros fortes e, na primeira vez, utilize luvas de lã para que o animal possa sentir o próprio cheiro, favorecendo a aproximação”.

Leia Também:  Samu para animais é aprovado por Câmara Legislativa do DF

Outras dicas da veterinária para que haja uma boa relação entre o hamster e o dono são: evitar barulhos altos e movimentos bruscos perto do pet; além de tomar cuidado com quedas, já que esse animal é muito delicado. 

Idas ao veterinário

É indicado levar o hamster ao veterinário pelo menos duas vezes ao ano. O profissional irá fazer um check-up da saúde do pet – uma forma de prevenção de doenças. 

Por exemplo, é nessas consultas periódicas que podem ser detectadas faltas de algumas vitaminas no organismo do hamster, algo muito comum em roedores. Caso isso aconteça, uma suplementação será receitada e poderá evitar o desenvolvimento de muitas doenças. 

Fonte: IG PET
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo