Tecnologia

Falha de segurança vaza dados pessoais de alunos da Anhembi Morumbi

Publicados

em

source

Olhar Digital

Uma falha de segurança no sistema que gera boletos de mensalidade da universidade Anhembi Morumbi fez com que dados pessoais de alunos da instituição ficassem vulneráveis na internet.

Como modelos de computador simulam a propagação do coronavírus

A brecha foi relatada ao Olhar Digital  através de um e-mail enviado por um remetente que preferiu não se identificar.

Segundo a mensagem, informações como nome completo , endereço , telefone , data de nascimento e até mesmo a taxa mensal de pagamento dos clientes estariam ao alcance de terceiros na plataforma.

Campus Anhembi Morumbi arrow-options
Reprodução

Campus Anhembi Morumbi



A falha permitia a manipulação do ID dos boletos. Este código de identificação é emitido em ordem sequencial. Assim, com uma simples alteração do número no navegador era possível acessar qualquer outro documento gerado pelo sistema.

Um robô poderia, por exemplo, acessar, coletar e armazenar os dados de todos os alunos presentes nos arquivos dos boletos. O acesso ao portal requer apenas o CPF e a data de nascimento de um aluno ou ex-aluno da universidade.

Leia Também:  Ansioso pelo PlayStation 5? Confira tudo o que já sabemos sobre o lançamento

Uber permite chamar carro por ligação telefônica

Em nota ao Olhar Digital , a Universidade Anhembi Morumbi disse que “apurou o caso e já tomou todas as medidas cabíveis para a correção”. A instituição também afirmou que “dedica investimentos e esforços redobrados na manutenção dos sistemas de segurança da informação, garantindo a confidencialidade dos dados acadêmicos, bem como de seu corpo discente, docente e administrativo.”.

O comunicado não esclarece se os alunos foram informados sobre a falha de segurança .

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Tecnologia

Carnaval em SP: empresas orientam mesclar aplicativos e transporte público

Publicados

em

source
app arrow-options
undefined

Transporte público é a forma recomendada de chegar até os blocos de Carnaval



O Carnaval já está acontecendo e, para chegar até os blocos de rua e as festas, muitos foliões optam pelos aplicativos de transporte particular, como Uber , Cabify , 99 e Lady Driver

Mas, segundo as próprias empresas, o melhor a se fazer durante o Carnaval é mesclar o uso de app com o uso de transporte público , planejando os trajetos antes. De acordo com a Cabify , “se deslocar com diversos modais pela cidade pode ser a escolha mais inteligente para que todos tenham tranquilidade em seu ir e vir”. 

Leia também: Para economizar, foliões levam bebidas para blocos e frustram ambulantes

A 99 também concorda que essa seja a melhor opção. Por isso, a empresa criou um mapa da cidade de São Paulo para o Carnaval . Nele, os usuários conseguem ver a lista de bloquinhos, bem como sua localização na malha de transporte público da cidade. 

O mapa é bastante completo e mostra qual estação está mais próxima de cada um dos principais blocos de rua  do Carnaval  da capital paulista. A ideia da 99 é que os foliões usem o transporte público como modal principal, e recorram ao transporte por aplicativo apenas para chegar até as estações. 

Leia Também:  Google mostra rastreamento de encomendas direto na busca

Leia também: Grana extra no Carnaval 2020? Veja as dicas de quem já fatura com a folia

“A melhor maneira para chegar à maioria dos blocos é usar o transporte sobre trilhos. Nós criamos esta ação pensando em quem não mora no Centro Expandido da capital paulista ou próximo às estações, como forma de estimular a integração de modos de transporte. Nosso compromisso é contribuir para que as pessoas consigam e ir e vir com maior facilidade e economia”, afirma Stefano Manzolli, Gerente Regional de Marketing da 99 em São Paulo.

A ação mencionada por Manzolli se trata de descontos oferecidos pela empresa para viagens com origem ou destinos em estações de trem e metrô selecionadas. Durante o Carnaval , cada folião tem direito a 25% de desconto em até dez corridas do tipo. As estações contempladas estão descritas no mapa criado pela empresa .

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo