Estadual

Exposições e evento literário são opções culturais no feriado

Publicados

em

Exposições, encontro literário e uma visita guiada ao Palácio Iguaçu podem fazer parte do roteiro de quem vai aproveitar o feriado da Proclamação da República em Curitiba. Os espaços culturais da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura terão horários especiais de visitação nesta sexta-feira (15), com exceção do Centro Juvenil de Artes Plásticas (Cejap).

Um dos destaques são as visitas guiadas no Palácio Iguaçu. O público conhecerá diversas obras de arte que compõem o acervo da sede do Executivo estadual e espaços como o Salão Nobre e a Sala dos Governadores. Confira os detalhes AQUI.

COTIDIANO LEITOR – O projeto Cotidiano Leitor promove este ano a primeira Festa Literária, que acontece de 15 a 17 de novembro no Museu Oscar Niemeyer (MON). São três dias de atividades gratuitas, entre contação de histórias, oficinas artísticas, rodas de leituras e diálogos com grandes escritores e ilustradores do cenário nacional.

No dia 15 de novembro, às 16h, a escritora Marina Colasanti e a poeta, atriz, jornalista e cantora Elisa Lucinda participam da roda de conversa “Escrita feminina: lugar de escuta e lugar de fala”, no Auditório Poty Lazzarotto.

No sábado (16), o diálogo será com os premiados ilustradores Odilon Moraes e Roger Mello, com a temática “Discursos da imagem na literatura infantil brasileira”. No domingo (17), os escritores Daniel Munduruku e Cidinha da Silva falam sobre “Literatura afro-brasileira e indígena”.

Leia Também:  Oito novos procuradores tomam posse na PGE

EXPOSIÇÕES – Além do evento literário, o Museu Oscar Niemeyer conta com as mostras Spider (Aranha), da artista francesa Louise Bourgeois, e Declaração de Princípios, que reúne trabalhos recentes e inéditos do artista paranaense Geraldo Leão.

Também estão em cartaz “África, mãe de todos nós: conexão entre mundos”, que reúne uma significativa coleção de máscaras africanas, e “Ásia: a terra, os homens, os deuses”, com uma seleção de 200 peças vindas de mais de dez países do continente. O MON fica na Rua Marechal Hermes, 999 e abre das 10h às 18h.

No Museu de Arte Contemporânea do Paraná (MAC-PR), que está funcionando temporariamente nas salas 8 e 9 do MON por conta da reforma da sua sede no Centro, o visitante pode ver a mostra “Pequenos gestos, memórias disruptivas”, resultado da intensa pesquisa feita pela curadora Fabrícia Jordão no rico e diverso acervo da instituição, que hoje reúne em torno de 1,8 mil obras.

BIENAL – No Museu Paranaense, a novidade são as exposições que fazem parte da 14ª Bienal de Curitiba: “Animalis Imaginibvs”, de Mauro Espíndola com curadoria de Adolfo Montejo Navas, e a mostra coletiva “Além da Ética”, que tem curadoria de Massimo Scaringella. São trabalhos de 17 artistas, entre brasileiros e estrangeiros, apresentando seus olhares acerca dos mais diversos temas.

Além disso, o museu conta com uma série de exposições históricas, como Ocupação do território paranaense, Dinheiro e Honraria: o acervo de numismática do Museu Paranaense, Imigração no Paraná, Igrejas ucranianas no Paraná, entre outras. Localizado no Centro Histórico (Rua Kellers, 289), o museu abrirá das 10h às 16h.

Leia Também:  Obras na PR-092 beneficiam os Campos Gerais e o Norte Pioneiro

No Museu da Imagem e do Som do Paraná (MIS-PR) estão em cartaz “Exposição 6 x 6 Horizontes PR”, que também faz parte da 14ª Bienal de Curitiba. Com curadoria de Eliane Prolik, reúne artistas do Paraná de diversas linguagens e poéticas. O visitante também tem acesso à coleção tridimensional do MIS-PR, composta por rádios, radiolas, toca-discos, moviolas, câmeras fotográficas e projetores. As visitas são das 10h às 16h, na Rua Barão do Rio Branco, 395.

HISTÓRIA – Vivenciar o cotidiano do artista norueguês Alfredo Andersen será a experiência dos visitantes no Museu Casa Alfredo Andersen. O espaço exibe parte do acervo do pintor, além de objetos e documentos da escola-ateliê. O local fica na Mateus Leme, 336 e funciona das 10h às 16h.

No Museu do Expedicionário, o acervo de fotografias, mapas, documentos, peças, ilustrações, filmes e livros retrata a participação da Força Expedicionária Brasileira (FEB) na Segunda Guerra Mundial. O espaço estará aberto das 10h às 12h e das 14h às 14h e está localizado na Praça do Expedicionário.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Estadual

Funcionários da Sanepar se mobilizam para arrecadar presentes

Publicados

em

Pelo nono ano consecutivo, empregados da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) participaram da campanha social Papai Noel dos Correios, batendo recorde de mobilização ao apadrinharem 937 crianças do Estado. A entrega dos presentes arrecadados em Curitiba e Região Metropolitana aconteceu nesta quinta-feira (12), na sede da empresa, na Capital. Participaram do evento a diretoria da Sanepar, representantes do Correios e das entidades beneficiadas.

Os pacotes seguiram para distribuição nominal entre os alunos de 1 a 5 anos de sete Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) da de Curitiba – Caramuru, Laura Gonçalves dos Santos, Santa Rita, Senador Affonso Alves de Camargo Netto, Vera Cruz II, Vila Formosa, Vila Formosa e Vila Torres.

A coordenadora regional da Campanha Papai Noel dos Correios, Alessandra Hataqueiama, explica que há um cuidado na seleção das escolas de regiões mais carentes. “Os pequenos que mais precisam, atendidos pela Secretaria Municipal de Educação, vão receber um presente. E isso fará a diferença no Natal dessa criança.”

“Essas crianças foram marcadas, não apenas com um presente. É uma vida. E a Sanepar tem tocado a vida das crianças do CMEI Vera Cruz”, disse Ediane dos Santos Silva Spaki, diretora do CMEI Vera Cruz II, da Cidade Industrial de Curitiba.

O diretor-presidente da Sanepar, Claudio Stabile, destacou que todo dia é dia de fazer o bem, independente de regras, conveniências ou datas festivas especiais. “Exercitar o bem todos os dias é respeitar as pessoas. Aproveitem sempre as oportunidades que vocês tiverem nas mãos para ajudar o próximo”, ressaltou.

Leia Também:  PAUTA DIA 13 - 9H – REUNIÃO DO CONFAZ TRAZ A CURITIBA SECRETÁRIOS DA FAZENDA DE TODOS OS ESTADOS E DISTRITO FEDERAL

POR TODO O ESTADO – Além do envolvimento na campanha dos Correios – atendendo quase 7 mil crianças desde 2010 – o corpo funcional da empresa promove outras ações sociais em todo o Paraná, exercitando solidariedade e fortalecendo vínculos com a comunidade.

O grupo de voluntariado Esquadrão Azul, de Telêmaco Borba, vendeu pizzas desde novembro para arrecadar fundos para o Natal Encantado do Centro de Convivência da Criança. Em Ponta Grossa, além do atendimento às cartinhas, os empregados se mobilizaram na arrecadação de brinquedos e doces para distribuição no Jardim Ibirapuera.

Uma Gincana Solidária angariou, pelo segundo ano seguido, donativos para instituições filantrópicas de Guarapuava como o Albergue Noturno, a Comunidade Bethânia, o Serviço de Obras Sociais Asilo Airton Haenisch e o Instituto Amanhecer Sem Fome.

Em União da Vitória, desde 2011 os colaboradores da empresa tradicionalmente realizam o Natal dos Idosos, envolvendo comunidade, vizinhos e instituições parceiras para presentear cerca de 120 pessoas, entre idosos e colaboradores dos asilos. “O grupo já arrecadou fraldas geriátricas e produtos de higiene e limpeza. É impossível descrever a emoção e a gratidão dos idosos com essa ação tão simples. O trabalho é grande, mas muito recompensador”, afirma a empregada Giselda Glasa Barbalho Zanetti, uma das responsáveis pela organização.

Leia Também:  Governo autoriza apoio ao sistema regional de inovação do Sudoeste

Outro grupo de voluntariado, de Francisco Beltrão, vai entregar presentes e proporcionar uma festa para as crianças da Associação Sensibilizar, com a presença de trabalhadores dedicando tempo e atenção para os pequenos atendidos no contraturno escolar.

Em Foz de Iguaçu, Cascavel, Toledo e Pato Branco, além das cartinhas dos Correios adotadas, os empregados ainda distribuem presentes, materiais escolares e kits natalinos para grupos locais menos favorecidos, tanto da área urbana quanto da rural.

ENGAJAMENTO – Acompanhando o desenvolvimento das diversas inciativas voluntárias, a assistente social da Sanepar Tammy Romaguera Silva destaca que, ao longo do ano, todos os empregados participam constantemente de ações sociais junto à comunidade. “Ainda assim é gratificante ver que os esforços são redobrados nessa época de festas.”

A participação do corpo funcional reforça a ligação da Sanepar com o atendimento aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, em especial, em relação ao ODS 10, que preconiza a Redução das Desigualdades.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo